Obra traz relatos de pacientes em tratamento de saúde mental

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

A jornalista Kiane Berté, autora do livro “Histórias que ouço na clínica”
FOTO: Rodolfo Espínola/Agência AL

Continua após o anúncio

A jornalista Kiane Berté lançou na noite desta terça-feira (9) na Assembleia Legislativa o livro “Histórias que ouço na clínica”, com histórias verídicas de pessoas que passam por reabilitação em saúde mental. O lançamento ocorreu em um ato realizado no hall do Palácio Barriga Verde.

Segundo a autora, a obra é baseada em relatos feitos por pacientes da clínica de reabilitação ambientada no Hospital Santa Luzia de Ponte Serrada, no Oeste do estado. A unidade é referência em saúde mental para vários municípios da região. São casos de alcoolismo, drogadição, depressão e outros transtornos mentais.

Continua após o anuncio

“São histórias de vida emocionantes”, afirma a autora. “Foi muito difícil ouvir essa histórias, porque todas têm uma carga emocional muito grande. Mas espero que esse livro atinja as pessoas que passam por esses mesmos problemas para que elas vejam que há tratamento, que procurem ajuda.”

Kiane é a responsável por outros cinco livros, todos de ficção. A obra com os pacientes do Hospital Santa Luzia é a primeira baseada em histórias reais.

Continua após o anúncio

O lançamento foi acompanhado por amigos da autora e por dirigentes e profissionais da Associação Hospitalar Santo Expedito, mantenedora do hospital de Ponte Serrada. A coordenadora de Saúde Mental do hospital, Laísa Mendes, destacou a importância da obra no combate aos preconceitos contra os distúrbios mentais.

“O livro é um projeto que traz muitas emoções, reflexões, experiências relacionadas à nossa saúde mental. Quando a gente consegue levar essa mensagem para fora do hospital, é muito gratificante. Muitas pessoas vão se familiarizar e ver que há tratamento, que há buscar ajuda, que saúde mental não é frescura.”

O diretor técnico do hospital, Erick Takahashi, também destacou a importância do livro. “Os pacientes narraram suas histórias para a Kiane e a narração é parte do processo de cura dos pacientes.”

Marcelo Espinoza
Agência AL

Fonte: Agência ALESC

Continua depois do anúncio: FP

Redação SC Hoje
Redação SC Hoje
Da redação do Portal SC Hoje News. DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99208.8844

Leia Mais

Mais Lidas

-PUBLICIDADE-