Alesc promove cinco seminários abordando o tema Escola é Lugar de Ciência


A Comissão de Educação, Cultura e Desporto promove em parceria com a Escola do Legislativo Deputado Lício Mauro da Silveira cinco seminários virtuais abordando o tema Escola é Lugar de Ciência, entre os dias 20 e 29 de setembro. A abertura oficial será nesta segunda-feira (20), às 18h, no Plenarinho Deputado Paulo Stuart Wright.

No total serão cinco encontros entre os dias 20 e 29 de setembro, sempre às segundas, quartas e sextas, às 18h30. Um dos objetivos dos seminários é discutir o papel da escola ao longo da história e na sociedade contemporânea, de forma a embasar uma legislação que garanta a formação científica de qualidade nas escolas catarinenses. O evento será transmitido no YouTube da Escola www.youtube.com/escoladaalesc.

No total, 21 palestrantes vão formular propostas para temáticas estruturantes, na perspectiva educacional, considerando os desafios conjunturais. Também não revisar a compreensão dos elementos básicos da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) em sua concepção sobre a prática pedagógica e sobre as reflexões que as mesmas suscitam e requerem, além de debater e propor atividades de experimentação científica no contexto das escolas como estratégia de aprendizado integrada ao currículo, permitindo estabelecer, através dela, a apropriação crítica do saber.
O seminário oferece certificado de 14 horas-aula mediante assinatura de presença durante a transmissão. Inscrições no link escola.alesc.sc.gov.br/eventos.

Frente Parlamentar
A deputada Luciane Carminatti (PT), coordenadora da Frente Parlamentar em Defesa da Ciência na Escola e autora da proposta da realização dos seminários, explica que em agosto de 2019 foi realizado o 1º Seminário Catarinense “Escola é lugar de ciência”, com a presença de mais de 700 professores e estudantes, na Assembleia Legislativa, onde foi debatido o tema e o lançamento da frente parlamentar.

Carminatti diz que a frente tem como meta ainda dizer à sociedade que lugar da escola não é lugar do dogma, não é lugar da fé, lugar da escola é lugar da ciência. “A escola é lugar do espírito científico, da criticidade, é o lugar da investigação teórica, é o lugar do aprofundamento do experimento. Esse é o papel da escola. Se a escola não fizer isso, ninguém mais vai fazer. Daí nós só teremos um conhecimento parcial, superficial e extremamente precário.”

Comente com o Facebook