Camboriú adere ao dezembro de prevenção contra o HIV/Aids

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

A quinta-feira, dia 1°, marca o início do “Dezembro Vermelho”, que é o mês alusivo da prevenção à Síndrome da Imunodeficiência Adquirida (Aids). Esta data também é referente ao Dia Mundial de Combate à Aids, que é causada pelo Vírus da Imunodeficiência Humana (HIV). Por conta disso, a Secretaria de Saúde de Camboriú, por meio do Departamento de Vigilância Epidemiológica (DVE), reitera a prevenção ao vírus e o combate à doença. O município proporciona testes rápidos e distribui preservativos para a população em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs). Camboriú também conta com o Centro de Diagnóstico e Tratamento (CEDIT), como unidade de referência no diagnóstico de Infecções Sexualmente Transmissíveis (ISTs). Além do HIV, nas UBSs também há testagens para outras ISTs, como Sífilis e Hepatites B e C. Os testes são de fácil realização e o resultado é obtido em, no máximo, 30 minutos.

“A infecção pelo vírus HIV é permanente, e quando o paciente soropositivo desenvolve a Aids, passa a ter sua saúde comprometida. Por isso, a prevenção é o melhor caminho para evitar esse mal. Porém, em caso de infecção ou suspeita, é de grande importância o diagnóstico precoce”, alerta o enfermeiro e coordenador do DVE, Thiago Vilcinskas.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Segundo levantamento do Ministério da Saúde, em 2021, o município notificou oito casos de HIV/Aids, sendo cinco em homens e três em mulheres. Outro índice que chama a atenção é a idade dos infectados, com 25% dos casos entre 15 e 24 anos, percentual maior em comparação com os números no estado, com pouco mais de 10% dos casos nessa faixa etária.

Fonte: Prefeitura de Camboriú – SC

Continua após a Publicidade