Projeto de Chapecó para combate do efeito estufa fica em terceiro no Brasil

- PUBLICIDADE -

O projeto de uma unidade de processamento de resíduos orgânicos da área urbana e consequente diminuição dos gases de efeito estufa, encaminhado pela Prefeitura de Chapecó ao Ministério do Meio Ambiente, ficou classificado em terceiro lugar para o recebimento de recursos.

Com o resultado o município será contemplado com R$ 350 mil, do Fundo Nacional Sobre Mudança do Clima. Os recursos serão aplicados na aquisição de uma peneira rotativa e esteira, um triturador de galhos, motosserra, termohigrometro e um veículo.

- PUBLICIDADE -

O projeto foi inscrito na Plataforma +Brasil pela Diretoria de Captação de Recursos e pela Gerência de Saneamento da Secretaria de Infraestrutura. Agora após a classificação, será feita o Termo de Convênio com a Prefeitura, o repasse do recurso.

De acordo com a gerente de Saneamento do Município, Graciela Heckler, este é o primeiro projeto desenvolvido pela Prefeitura voltado para impactos climáticos, atendendo os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) recomendados pela ONU.

O volume de material recolhido de podas e supressão de árvores comprometidas no município é 577,2 toneladas por ano. Com a implantação do processo de compostagem vegetal será

reduzido o volume destinado ao aterro, bem como redução do consumo de combustível e emissão de poluentes na mesma proporção.

“Ao enterrar o material vegetal geramos um processo de decomposição lento, onde ocorre a digestão anaeróbia e a produção de gases como o metano. Esse processo de decomposição gera também a produção de chorume que é um potencial poluidor dos lençóis freáticos”, disse Graciela.

O objetivo é promover a destinação final ambientalmente adequada de resíduos provenientes da poda urbana, incluindo a compostagem, o coprocessamento, a recuperação e o aproveitamento energético; com a implementação de inovações no processo de beneficiamento dos resíduos orgânicos. O projeto prevê a avaliação, qualitativa e quantitativa, com mensuração dos resultados alcançados, incluindo a medição efetiva da redução de emissões.

Fonte: Prefeitura de Chapecó SC