Professores passam por treinamento de primeiros socorros

- PUBLICIDADE -

Nesta sexta feira (30) entra em sua segunda fase a formação em primeiros socorros de profissionais de núcleos de educação infantil da rede de ensino da Prefeitura de Florianópolis.  Serão realizados exercícios práticos e simulados com feridos, princípios de incêndio, engasgamento e diversas oficinas.
 
As atividades começam às 8 da manhã e vão até ao meio-dia no Centro de Educação Continuada (CEC) da Secretaria Municipal de Educação (SME). Os trabalhados serão mediados pelo coordenador do curso, professor Charles Schnorr, e pelo instrutor da Polícia Científica Marcos Lima. 
 
 
Com organização do Núcleo de Formação, Pesquisa e Assessoramento da Educação Infantil da SME, estão previstas atividades ainda no dia 14 de outubro, quando os profissionais de educação irão visitar e conhecer a realidade dos Bombeiros Militares e SAMU do Batalhão de Operações Aéreas. 
 
Para o professor Charles Schnorr, essa capacitação constrói com os participantes conceitos sobre as noções de como procederem no caso de emergências e acidente no cotidiano da comunidade escolar. Convulsões, engasgamento e intoxicações também serão abordados.
 
A Secretária de Educação em exercício, Fabrícia Luiz Souza,  destaca que ao longo da formação, os profissionais da educação infantil, além dos conceitos e conhecimentos preventivos, realizaram visitas ao Quartel  do Corpo de Bombeiros do Centro. 
 
“Na oportunidade, acompanharam a realidade das unidades de combate  a incêndio e resgate e tiveram contato  equipamentos, viaturas e técnicas usadas pelo grupo do 1° Batalhão de Bombeiros Militares”, relembra.  
 
O subtenente Angelo Volpato, comandante do Bombeiro Central, frisa que essa parceria entre a Secretaria de Educação e a entidade militar é fundamental.  “São esses professores que irão dar a primeira resposta no caso de um sinistro, atendimento de primeiros socorros, até mesmo um princípio de incêndio ou necessidade de evacuação da unidade de educação.
Esse educadores estão mais preparados e resilientes para esse primeiro atendimento”.
 
Até o final do primeiro semestre de 2022 já foram capacitados mais de 4.200 professores com cursos de 20 horas aulas. 
 
Também foram formados  3.000 professores com curso de noções básicas de atendimento de emergência e acionamento do sistema de emergências móveis (193 – 190 – 192 – 199) com carga horária de 8h, sendo que, este segundo curso ocorre nas unidades educativas com a presença de um instrutor especializado e capacitado.

galeria de imagens


Fonte: Prefeitura de Florianópolis