Chapecó é escolhida para projeto piloto em Habitação

- PUBLICIDADE -

A Diretoria de Regularização Fundiária e Habitação de Chapecó recebeu na semana passada representantes do Conselho de Arquitetura e Urbanismo (CAU-SC) do Estado de Santa Catarina. A visita institucional teve como objetivo, conhecer o trabalho que vem sendo realizado no âmbito da Política de Habitação de Interesse Social no município, bem como, conhecer as ações positivas oportunizadas pela regularização fundiária e discutir a possibilidade de implementação de um projeto piloto para a aplicabilidade da ATHIS – Assistência Técnica de Habitação Interesse Social. Participaram da primeira reunião de trabalho: a Coordenadora da Comissão da ATHIS, Rosana Silveira, a Coordenadora adjunta Silvya Caprario, a Arquiteta e Urbanista Claudia Pires (palestrante nacional sobre o tema ATHIS e Membro dos movimento: Coletivos Virada Criativa, Arquitetos da Favela e Arquitetos pela Moradia) e Pedro Schultz Fonseca Baptista, Assessor CATHIS. Em seguida o grupo foi recebido no Gabinete da Prefeitura Municipal pelo Diretor Financeiro Roberto Zolet e pela Diretora de Convênios Chaiane Dalla Costa. Na sequência o grupo também visitou áreas em processo de regularização fundiária, APPS, realocações, unidades habitacionais, para a implantação de um projeto piloto. Duas únicas cidades foram selecionadas, Chapecó e Florianópolis. Chapecó já disponibiliza aos munícipes, que se enquadram nos critérios da legislação, projetos de unidades habitacionais em metragens diferenciadas, e acompanhamento técnico, e a legislação municipal está sendo implementada. Na oportunidade a Diretora de Regularização Fundiária foi convidada pela equipe para participar do III Congresso de Arquitetura e Urbanismo que ocorreu no Lang Palace Hotel no período noturno, e explanou acerca das ações realizadas em Chapecó para arquitetos de todo o país, de forma presencial e transmitido pelo canal do Youtube do evento; O município também foi convidado para apresentar o trabalho em um evento que ocorrerá no mês de novembro. A ideia é propagar as boas práticas que estão sendo realizadas na gestão interna da Política de Regularização Fundiária e Habitação, os protocolos e ritos de regularização fundiária desenvolvidos, o trabalho de monitoramento de invasões irregulares e as melhorias habitacionais que estão sendo realizadas à população em situação de vulnerabilidade habitacional no município de Chapecó para todo o país. “Foi e tem sido um desafio, temos muito o que fazer, e era preciso começar”, frisou a Diretora Edi Folle.

Fonte: Prefeitura de Chapecó SC