Florianópolis recebe certificação de Destino Turístico Inteligente em Transformação pelo Ministério do Turismo

- PUBLICIDADE -

Florianópolis receberá, nesta terça-feira (23), em Brasília, o certificado de Destino Turístico Inteligente (DTI) em Transformação. O título será concedido pelo Ministério do Turismo (MTur) durante o 1º Seminário Internacional DTI Brasil. O superintendente de Turismo de Florianópolis, Vinicius de Luca, estará na Capital Federal representando o prefeito Topázio Neto e receberá a certificação em nome dele (a cerimônia ocorre às 18h). Na pauta da programação também está a apresentação do case de Florianópolis na quarta-feira (24).

“Com a certificação do Ministério do Turismo, estamos dando mais um passo para consolidar Florianópolis como um destino inovador, reunindo belezas naturais e atrativos turísticos, tecnologia e sustentabilidade”, observa o prefeito Topázio. 

Florianópolis foi uma das 10 cidades selecionadas pelo MTur para participar do projeto-piloto DTI em maio de 2021. Na época, a Capital se submeteu à avaliação de equipes técnicas do Governo Federal e de especialistas do Instituto Argentino Ciudades Del Futuro (ICF), da Fundação Ciudad de la Plata e da Sociedade Mercantil Estatal para a Gestão da Inovação e as Tecnologias Turísticas (SEGITTUR), que aprovaram a implementação do programa na cidade.

Na avaliação, a Capital foi apontada como destino turístico já consagrado, figurando entre os locais que mais recebem estrangeiros que buscam lazer e também é sede de diferentes eventos internacionais. Outro ponto positivo foi a gastronomia: Florianópolis é reconhecida como Cidade Criativa Unesco da Gastronomia. Há ainda outros atrativos, como a Arte Urbana e o Turismo de Cinema. “O turismo em Florianópolis vai muito além das praias e caminha de mãos dadas com a tecnologia e com a inovação, incentivando a economia criativa e fazendo com que a cidade tenha vida e opções durante todo o ano, não apenas na temporada de verão”, explica o secretário de Turismo, Tecnologia e Desenvolvimento Econômico, Juliano Pires.

Superintendente de Turismo de Florianópolis, Vinicius De Luca lembra que as ações para transformar a Capital em um Destino Turístico Inteligente começaram antes mesmo do projeto-piloto do Governo Federal. Exemplo é a parceria com o Sebrae/SC e o desenvolvimento de aplicativos voltados ao turismo, como a Toordata, Tourqual, Harmo e o Smart Tour – este último oferece ao turista informações sobre os locais visitados via QR Codes sinalizados em placas. 

“A certificação reconhece o trabalho realizado pela Prefeitura de Florianópolis e pelo ecossistema de inovação e nos inspira a seguir adiante nas ações de inovação, no uso de infraestrutura tecnológica de ponta, que facilita a interação do visitante com empresas locais, otimizando a qualidade da sua experiência de viagem ao mesmo tempo em que promove o desenvolvimento sustentável e melhora a qualidade de vida de quem vive aqui”, explica o superintendente. 

Além de Florianópolis, participam do projeto-piloto Curitiba, Rio de Janeiro, Angra dos Reis, Brasília, Campo Grande, Salvador, Recife, Palmas e Rio Branco. Esses locais também serão certificados como destinos que possibilitam experiências inovadoras aos visitantes a partir da tecnologia, principal objetivo do DTI.

galeria de imagens


Fonte: Prefeitura de Florianópolis