16 C
Balneário Camboriú
InícioSua RegiãoItajaíEspetáculo de grupo de Recife abre o 7º Festival Brasileiro de Teatro...

Espetáculo de grupo de Recife abre o 7º Festival Brasileiro de Teatro Toni Cunha

A 7ª edição do Festival Brasileiro de Teatro Toni Cunha inicia em Itajaí nesta quinta-feira (21), às 20h, com o espetáculo nacional “Estudo nº 1: Morte e Vida”, do Grupo Magiluth, de Recife (PE). A peça utiliza-se do livro “Morte e vida Severina” (1954/55), de João Cabral de Melo Neto, como disparador e atravessa uma série de estudos contemporâneos sobre construções, formações e interações sociopolíticas no Brasil e no mundo.

Os ingressos para o espetáculo podem ser adquiridos pelo site Ingresso Nacional (www.ingressonacional.com.br) e na bilheteria do Teatro Municipal. A entrada custa R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia entrada para os casos previstos por lei). Além disto, haverá a possibilidade de pagar o valor de meia entrada mediante a doação de 1kg de alimento não perecível ou um pacote de absorvente. Os alimentos/produtos devem ser entregues no teatro, no dia do evento, para validar o ingresso de meia entrada.

No espetáculo estão as urgências sobressaltadas nos últimos anos, como a questão da migração em busca de condições “melhores” e da relação desses indivíduos com a terra, com o trabalho, com a morte e com o poder político. Pautam-se ainda as questões climáticas, da seca e para além dela, como isso tem afetado a(s) vida(s) em várias partes do mundo; como o assunto é perpassado pela política, a precarização do trabalho e a uberização (competição e flexibilização). 

O trabalho revela ainda como no decorrer da história do país, em inúmeras circunstâncias, pessoas foram levadas a deixar os seus territórios de origem em busca de melhores condições. São movimentos migratórios forçados por adversidades, que fazem com que muitos se lancem em direção a lugares de novas esperanças, novas oportunidades, de uma nova vida. Morte e Vida Severina é um trabalho que fala muito sobre o Nordeste, mas também sobre dinâmicas de mudança em âmbito local, regional, nacional e mundial – mesmo que seja árdua a travessia de fronteiras. A classificação etária para assistir o espetáculo é 16 anos.

Para a direção, o Magiluth convidou Luiz Fernando Marques, o Lubi, parceiro do grupo desde 2012 e diretor dos espetáculos “Aquilo que o meu olhar guardou para você” e “Apenas o fim do Mundo”, este último juntamente com Giovana Soar, além do ator e diretor musical Rodrigo Mercadante, que possui reconhecida experiência em trabalhos cênicos construídos a partir de textos poéticos e não dramáticos. No elenco estão Bruno Parmera, Erivaldo Oliveira, Giordano Castro, Mário Sergio Cabral e Lucas Torres Amorim.

Sinopse

A partir do poema dramático Morte e Vida Severina, de João Cabral de Melo Neto, o Grupo Magiluth propõe um estudo cênico sobre a trajetória de imigrantes, que deixam o sertão nordestino e seguem o caminho do rio em busca de melhores condições de vida e trabalho. O olhar híbrido e inquieto do coletivo pernambucano se volta, neste espetáculo, para os movimentos migratórios gerados por adversidades climáticas, políticas e sociais, buscando observá-los tanto em suas analogias quanto na heterogeneidade de seu conjunto.

Serviço:
Espetáculo Estudo nº 1 Morte e Vida, Grupo Magiluth – Recife (PE)
Quinta-feira, 21 de julho, às 20h
Teatro Municipal de Itajaí
Entradas: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia entrada para os casos previstos por lei ou mediante a doação de 1kg de alimento não perecível ou um pacote de absorvente)
Classificação: 16 anos

Confira a programação completa do 7º Festival Brasileiro de Teatro Toni Cunha e mais detalhes do evento no blog: 7festivaltonicunha.blogspot.com

Fonte: Prefeitura de Itajaí

Comente com o Facebook
Redação SC Hoje
Redação SC Hoje
DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99805.5030
- Advertisment -

Mais Lidas

Enviar mensagem
Envie FOTOS, VÌDEOS, ÁUDIOS, DENÚNCIAS ou sugestões de pauta para a equipe da redação!