5º Festival Literário de Itajaí movimentou cena de cidade e região


O 5º Festival Literário de Itajaí (FLI) encerrou no sábado (18) com 21 atividades realizadas na Casa da Cultura Dide Brandão e em outros espaços públicos da cidade. O evento abriu no dia 13 de junho com a palestra-show da escritora, jornalista e atriz Elisa Lucinda. Saraus, mesas literárias, oficinas e encontros, intervenções poéticas, shows de música e feiras literárias também integraram a programação.

Na quinta-feira (16), aconteceu a primeira feira literária desta edição do festival, na Praça Esportiva Gregório Cristino da Silva, em Cordeiros. Sábado (18) também teve feira literária com lançamentos e apresentações artísticas para encerrar o evento, na Praça Arno Bauer, no Centro de Itajaí. Participaram das feiras 13 editoras, sebos e coletivos literários, somados a 11 artistas independentes.

No último dia do FLI também foram lançados 11 livros, sendo três obras contempladas no Edital Meu Primeiro Livro da Fundação Cultural de Itajaí e oito de editoras de Itajaí e região. Além disso, mais de 50 artistas e profissionais da cultura do município envolveram-se no evento, desde o planejamento, execução, assessoria até a participação nas atividades.

“Ano passado, o FLI ocorreu apenas com a feira literária e o último sarau presenciais. Neste ano, tudo foi ao vivo e a cores. Estavam todos ávidos por isso e o resultado foi muito bom”, comenta o diretor executivo da Fundação Cultural de Itajaí, Vanderlei Lazzarotti.

O 5º Festival Literário de Itajaí é uma realização da Fundação Cultural e Município de Itajaí, em parceria com a Setorial de Literatura de Itajaí e do Conselho Municipal de Políticas Culturais de Itajaí.

Formações para professores

Na quarta-feira (22), das 9h às 12h, no Salão Nobre do Museu Histórico de Itajaí, acontecerá, ainda como atividade do 5º FLI, a formação “Biblioterapia e o poder das palavras”, ministrada por Carla Souza. O público-alvo deste encontro são os professores do Ensino Fundamental da rede municipal.

Já à tarde, das 14h às 16h, também no Museu Histórico, tem a formação “Mediação literária e os sentidos da hipertextualidade”. O evento é direcionado aos professores da Educação Infantil da rede municipal de ensino e a palestrante será Elaine da Silva.

Comente com o Facebook