Moções de aplauso homenageiam soldados da PM e dos Bombeiros


Nove soldados da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar de Laguna, Içara, Braço do Norte, Tubarão e Treze de Maio foram homenageados, na tarde desta terça-feira (12), pela Assembleia Legislativa com moção de aplauso. O ato foi uma iniciativa do deputado Ismael dos Santos (PSD), que destacou a bravura destes servidores da segurança pública do Estado.

“São nove soldados valorosos que merecem o aplauso da sociedade catarinense, que tiveram suas moções de aplauso aprovados pelo Parlamento e hoje num ato modesto receberam o aspecto físico desta homenagem, que certamente vai brilhar nas paredes de suas casas ou nos gabinetes, mas mais do que isto, ficará gravado na memória e no coração deles esse reconhecimento. Muito mais do que reconhecer a bravura destes homens, o gesto deles é um ato pedagógico já que eles se tornam referência para as novas gerações.”

A primeira moção foi entregue ao cabo da reserva Carlos Alberto Martins, do Corpo de Bombeiros Militar de Santa Catarina, que continua na ativa como mergulhador salva-vidas. No dia 14 de janeiro deste ano, ele estava no Iate Clube de Laguna quando ficou sabendo do naufrágio de uma lancha nos molhes, momento em que se prontificou a ir imediatamente até o local. Os bombeiros militares mergulharam com boias de salvamento e foram ao encontro das vítimas, que foram resgatadas e deixadas no trapiche, aos cuidados do apoio de terra e resgate aéreo. Eles conseguiram resgatar três vítimas do naufrágio.

Em seguida foram homenageados os soldados Jederson Bento de Bittencourt e João Paulo José Santos da Silva, do Corpo de Bombeiros Militar, por ato de bravura realizado em Tubarão. Eles estavam realizando patrulhamento quando avistaram uma mulher, bastante perturbada, com metade do corpo para fora da Ponte do Morrotes. “O primeiro contato foi bem difícil, pois ela estava irredutível e não queria a presença dos soldados”, apesar disso, ambos conseguiram controlar a situação, e a vítima foi encaminhada ao Hospital Nossa Senhora da Conceição.

A terceira moção foi entregue ao sargento César José Querino e ao cabo Diógenes Querino, da Polícia Militar, pelo ato de bravura praticado no salvamento de um bebê de apenas 42 dias, em Treze de Maio. Apesar de ambos não possuírem qualificação técnica suficiente para efetuar socorro emergencial, no dia 19 de maio de 2019 atenderam ao chamado dos pais da criança que estava engasgada. Prontamente, os policiais se deslocaram até a residência da família e começaram os procedimentos necessários para salvar a criança.

A quarta moção foi entregue aos soldados Kleber Goulart e Vitor Hugo de Souza, da Polícia Militar,  por impedirem que um homem cometesse suicídio na BR-101, em Içara. No dia 16 de novembro de 2021, eles foram acionados para atendimento de ocorrência na BR-101, km 379, bairro Vila Nova,  para impedir  que um homem se jogasse no meio da rodovia. O soldado Goulart se identificou e, num movimento rápido e preciso, segurou um dos braços da vítima, que ainda se debateu contra o parapeito tentando resistir. O soldado De Souza, que estava no controle do trânsito, acessou rapidamente a passarela e, juntamente com o soldado Goulart, conseguiu puxar o homem, que estava pendurado do lado de fora da passarela, interrompendo a ação de suicídio.

A quinta moção saudou o cabo do Corpo de Bombeiros Militar de Braço do Norte, Josué Farias Flor, e o soldado Murilo de Oliveira Medeiros. Eles resgataram, no dia 20 de fevereiro de 2022, um homem que subiu em uma torre de telefonia com aproximadamente 50 metros de altura e afirmava a todo o momento que iria cometer suicídio. A ocorrência estendeu-se por cerca de 5 horas, sendo que à noite houve chuva e relâmpagos. Os bombeiros permaneceram no alto da torre, conversando com a vítima, até que esta permitiu a colocação de uma cadeira de alpinista.

Representando os homenageados, o cabo da reserva Carlos Alberto Martins enfatizou a importância da moção de aplauso. “É muito gratificante receber essa homenagem, na realidade o principal foi o salvamento, mas ser reconhecido pelo Estado como um herói ou coisa assim é muito bom.”

Também falando em nome dos homenageados, o sargento César José Querino salientou a importância da homenagem do Parlamento. “É gratificante receber essa homenagem, fico muito grato, ainda neste final de semana que passou vi a foto da menina que salvamos, ela está com três anos.”

Comente com o Facebook