Macrodrenagem de Cordeiros inicia as escavações nesta quarta (06)


O maior investimento em macrodrenagem da história de Itajaí terá as primeiras escavações nesta quarta-feira (06). As galerias instaladas terão a dimensão de 4 metros por 1,5 metro de vazão. Elas serão colocadas na saída do rio Itajaí-Açu, próximo à rua Reinaldo Schmithausen. As primeiras escavações serão em um terreno privado e não afetarão o trânsito local. A Reinaldo Schmithausen terá interrupção parcial na pista no sentido Centro para Cordeiros a partir desta quinta-feira (07). A medida visa agilizar os trabalhos e garantir a segurança.

“Os trabalhos já começaram logo após a assinatura da ordem de serviço. A empresa trabalhou na construção das peças que formam as galerias e na sondagem do terreno. Mesmo que a população não tenha visto ainda a abertura das ruas, é importante destacar que estamos trabalhando”, explica o secretário municipal de Obras, Rogério Rocha.

A macrodrenagem de Cordeiros atenderá oito ruas (Odílio Garcia, Jovito Anacleto, José Luciano Pereira, Henrique Borba dos Santos, Santo Agostinho, Adolfo José de Assis, São Cristóvão e Fernando Vieira) na área mais crítica com alagamentos na região. Serão 232 metros de galerias de 3×1,5 metros, 370 metros de galerias de 2×1,5 metros, além de 599 metros com galerias de 2,5×1 metro e 424 metros de galeria de 2×1 metro.

Já a tubulação terá 3,3 quilômetros de tubos entre 30 centímetros e 1,2 metro de diâmetro. Os serviços também garantirão 32 mil metros quadrados de pavimentação em asfalto nos trechos das vias que receberão o benefício.

Os trabalhos serão realizados em etapas para minimizar os transtornos da obra e garantir a mobilidade na região. A previsão é que toda a estrutura de quase cinco quilômetros de tubos e galerias e pavimentação em asfalto seja concluída em dois anos. A obra licitada em R$ 18,8 milhões supera os investimentos feitos na Bacia do Rio Bonito (R$ 15,6 milhões e cinco quilômetros de tubos e galerias).
 

Comente com o Facebook