Criciúma no Programa de Regionalização do Turismo


Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Criciúma volta a fazer parte do Programa de Regionalização do Turismo. A iniciativa, idealizada pelo Ministério do Turismo, abre as portas para a participação de ações e captação de recursos para o segmento junto ao órgão federal. A lista das cidades cadastradas saiu na última segunda-feira (28). Ao todo, são mais de 2,5 mil municípios distribuídos em 322 regiões turísticas.

O turismo se tornou algo vital na nossa cidade. Estamos trabalhando nos últimos anos focados em transformar Criciúma em uma referência no segmento no país. Criciúma tem um potencial turístico gigantesco, temos toda uma estrutura para isso e estamos investindo cada vez mais”, frisou o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Para retornar para o programa, o governo municipal reativou o Conselho Municipal de Turismo, implantou o Plano Municipal do Turismo e colocou recursos no Fundo de Turismo. “A Fundação Cultural de Criciúma trabalhou firmemente nisso, pois o nosso foco era esse retorno. Todo os profissionais atuaram juntos para que isso acontecesse”, afirmou o presidente da FCC, Zalmir Casagrande.

De acordo com o diretor de turismo da FCC, Ismail Ahmad Ismail, a participação no programa é de suma importância. “O cadastro é o pré-requisito para captar recursos junto ao Ministério do Turismo e a participação de ações e eventos. E para retornar, tínhamos algumas exigências, como a reativação do conselho”, comentou. “Além de Criciúma, temos mais oito municípios da Amrec incluídos nesse mapa”, concluiu.

Programa de Regionalização do Turismo

O Programa de Regionalização do Turismo tem o objetivo de trabalhar as ações e iniciativas do Ministério com os estados, regiões e municípios. O intuito é apoiar a estruturação dos destinos, a gestão e a promoção do turismo no país.

Comente com o Facebook