Procon de Blumenau registra mais de 90 mil pessoas atendidas na cidade


Nesta terça-feira, dia 15, se comemora oficialmente o Dia do Consumidor e até domingo, dia 20, o país celebra a Semana do Consumidor, um período marcado em respeito aos consumidores e todas suas atribuições e garantias que regem as normas estabelecidas pelo Código de Defesa do Consumidor (CDC).

Nós últimos três anos, o Procon de Blumenau obteve significativos resultados na cidade com 92.184 atendimentos realizados, incluindo neste montante os trabalhos efetivados tanto na sede do órgão, quanto na Intendência Distrital do Grande Garcia e no posto da Vila Itoupava.

Somente pelo WhatsApp do Consumidor, que atende pelo número (47) 99937-1570, foram efetivadas 44.311 solicitações, 7.359 em 2019; 21.277 em 2020, e em 2021, 15.675 atendimentos. Graças a ferramenta, consumidores de qualquer região da cidade podem fazer denúncias e assegurar seus direitos, enviando pelo celular foto e texto simples sobre casos de irregularidades.

Além da praticidade, o WhatsApp do Consumidor evita que consumidores tenham que se deslocar de suas residências ou do próprio local da denúncia, evitando perda de tempo. Além disso, as solicitações efetivadas pela ferramenta pelos consumidores são respondidas em um prazo de 24 horas.

Atendimento presencial

Em 2021, somente na sede do órgão, localizado na Avenida Castelo Branco (Beira- Rio), foram 13.441 pessoas beneficiadas de forma presencial. Em 2020, mesmo com a situação de pandemia no país, o número de atendimento chegou a 9.233 na sede e em 2019, os atendimentos chegaram na casa das 21.068 consumidores. Além disso, o Procon de Blumenau trabalha com um índice de resolução em mais de 92% dos casos, um resultado considerado positivo pela equipe que trabalha na linha de frente do órgão.

Para o diretor do Procon de Blumenau, André Moura da Cunha, o estado de pandemia no país também resultou na procura pelo órgão de defesa, já que as relações jurídicas de consumo em praticamente todas as esferas reguladas pelo lei foram atingidas.

“Como conseqüência das medidas para contenção da pandemia, viagens foram canceladas, eventos foram remarcados, entrega de produtos foram suspensas, lojas físicas tiveram que migrar para o ambiente virtual e, nesse contexto, muitos fornecedores não estavam preparados para o aumento da demanda do relacionamento ao cliente de forma on-line, seja por meio do SAC ou pelo WhatsApp, por exemplo”, diz André.

André também explica que neste ano, diversas fiscalizações foram realizadas no município, incluindo a apreensão de 5.264 mercadorias que estavam em situação imprópria para o consumo, incluindo os produtos com prazos de validades vencidas.

“Recentemente obtivemos mais um conquista significativa e que impacta na vida dos consumidores, principalmente aqueles que diariamente recebem ligações de Telemarketing. A partir de agora, os números de empresas que vendem ou prestam serviços devem obrigatoriamente ter o prefixo 0303 nas ligações. Isso é um avanço, já que na maioria das vezes as chamadas são efetuadas em horários importunos”, relata.

Atento ao que preconiza o CDC, neste ano os postos de combustíveis também estiveram na mira do Procon. Foram realizadas 288 notificações nestes estabelecimentos e também nos depósitos de gás de cozinha, resultando neste período em 140 autos de infração, 268 autos de constatação, 1.203 relatórios de visita, além da realização de monitoramento de preços semanalmente no comércio. “Acumulamos um total de 1.147 estabelecimentos visitados, incluindo supermercados, postos de combustível, instituições financeiras, escolas e açougues.

Atendimentos realizados pelo Procon:

2019

Sede: 21.068
Intendência Garcia: 1.574
Vila Itoupava: 396
WhatsApp: 7.359

2020

Sede: 9.233
Intendência Garcia: 778
Vila Itoupava: 183
WhatsApp: 21.277

2021

Sede: 13.441
Intendência Garcia: 513
Vila Itoupava: 687
WhatsApp: 15.675

Assessor de Comunicação: Joni César

postada em 15/03/2022 14:06 – 10 visualizações

Fotos

Comente com o Facebook