Privatização da Aduana de Dionísio Cerqueira acontece no dia 11/11


A assinatura do contrato de privatização da Aduana de Dionísio Cerqueira será feita nesta quinta-feira (11/11) em Dionísio Cerqueira. A informação foi confirmada pelo deputado estadual Marcos Vieira, que estará no evento.

Com isso a demanda do setor produtivo e de lideranças políticas e empresariais de Santa Catarina será atendida. “Vai gerar uma série de oportunidades para todo o Grande Oeste e para Santa Catarina, pois teremos uma Aduana mais ágil, com condições de competir com outros estados nas facilidades de receber e despachar cargas”, explica o deputado Marcos Vieira.

A movimentação para melhorar os serviços aduaneiros de Dionísio Cerqueira tomou força em 2018, com o movimento A Aduana é nossa, que mobilizou a sociedade para melhorar a estrutura de exportação e importação.

No mesmo ano uma comitiva catarinense esteve em Brasília em reuniões no Ministério da Agricultura e na Receita Federal.

“A Aduana de cargas de Dionísio tem capacidade para atender 4 mil caminhões/mês, mas atualmente consegue atender somente 1,2 mil/mês, perdendo fluxo para o Paraná e para o Rio Grande do Sul”, explica o deputado Marcos Vieira, que participou ativamente de todas as ações em Dionísio Cerqueira e em Brasília.

Com a nova estrutura, o movimento de caminhões pode pular para 5 mil/mês, somente com carga de milho. “Por isso as alterações na Aduana de Dionísio precisam ser urgentes e o Governo Federal atendeu as solicitações e com isso ganha Santa Catarina”, completa Marcos Vieira.

O deputado ainda reforça que a iniciativa vai facilitar as exportações do Estado para a Argentina e Chile e com isso, o Estado também pode ter melhorias nas rodovias BR-163, BR-282 e BR-470, pois aumentará o fluxo de caminhões e a necessidade de investimentos viários.

O deputado Marcos Vieira também reforça a importância da mobilização social com a participação de associações como a Associação Comercial e Empresarial de Dionísio Cerqueira e Barracão, Ascoagrim presidida à época por Marcos Voltolini, o movimento A Aduana é nossa, coordenada à época por Laudi Granoski, senadores, deputados federais e estaduais, prefeitos, vereadores, empresários e os próprios moradores de Dionísio Cerqueira.

Além do deputado Marcos Vieira, participam da solenidade o Governo do Estado, a Receita Federal, prefeitura de Dionísio Cerqueira, empresários, lideranças regionais.

A empresa vencedora é a Multilog, que possui diversas unidades espalhadas pelo Brasil e tem capacidade e conhecimento logístico para coordenar a Aduana.

Porto Seco
O projeto prevê um investimento inicial de cerca de R$ 40 milhões nos primeiros 15 anos de concessão, e cerca de R$ 11,5 milhões nos dez anos seguintes.

Com a obra, há a previsão de melhoria do fluxo de veículos pesados na região de Dionísio Cerqueira, além de proporcionar mais conforto aos usuários, caminhoneiros, despachantes aduaneiros e servidores públicos do Brasil e da Argentina que atuam no controle das importações e exportações.

Movimentação
Nos últimos 15 anos, Dionísio Cerqueira registrou um fluxo médio de 406 mil toneladas anuais de mercadorias. Na importação, as frutas e vegetais responderam anualmente por cerca de 97 mil toneladas em média nos últimos cinco anos, enquanto carne e madeira foram os principais produtos exportados, totalizando cerca de 64 mil toneladas anuais.

Comunicação Deputado Estadual Marcos Vieira – PSDB
Giancarlo Baraúna
(48) 9 9919-0691
Rodrigo Braga
(48) 9 9919-0592
Facebook: www.facebook.com/deputadomarcosvieira
Instagram: deputadomarcosvieira

Comente com o Facebook