Educação promove o Dia da Família na Escola


A Secretaria Municipal de Educação promoveu no sábado o segundo momento do Dia da Família na Escola. A ação é uma forma de homenagear os pais ou responsáveis de maneira a aproximar cada vez mais a escola e a família.

“A família é a base para educação e para a aprendizagem de qualidade, pois, dependemos uns dos outros para construir um ser humano. Estar na escola hoje é gratificante, pois, percebemos o quanto a comunidade escolar está fortalecida”, disse a secretária de Educação, Astrit Tozzo.

Na Escola Básica Municipal Sede Figueira, os familiares que participaram da ação demonstraram empolgação com o retorno das atividades 100% presenciais, assim como ficou visível a satisfação dos estudantes e professores que organizaram uma mostra pedagógica com os mais variados temas e materiais, os quais ficaram expostos ao longo de um corredor e os familiares, escalonadamente, puderam admirar.

A mãe dos estudantes João Guilherme e Isabeli, Senhora Marinice Bianchi, relembrou os bons momentos em que convivera na Escola: “Aqui no espaço onde estamos era a horta na minha época e agora, mesmo com as mudanças, ela foi reconstruída e já está linda. Ficamos felizes de sentir que a escola está cada vez mais organizada, sem falar da homenagem que a comunidade escolar prestou aos 104 anos de Chapecó plantando as mudas de roseiras que logo estarão embelezando ainda mais o local”, disse Marinice.

O estudante Felipe Gabriel Bianchi, de 13 anos, exibiu orgulhoso o resultado de sua criação: “Fiz uma maquete em miniatura de usina de energia eólica que, para dar certo, usei o motor do carrinho de controle remoto. Perdi o brinquedo, mas, valeu a pena ver como ficou legal e mostrar certinho até o acendimento das luzes quando colocamos vento”.

O vice-prefeito de Chapecó, Itamar Agnoletto, também esteve presente no Dia da Família na Escola, e disse que se sentiu voltando ao passado, de seu tempo de escola. Também elogiou o trabalho realizado pelas escolas e equipe da secretaria de Educação:

“A gente percebe os projetos de melhoria da escola para todos os alunos, essa essência que temos do interior, do cultivo da plantas até a colheita, e os ensinamentos dos professores, o acompanhamento, a importância de dar a liberdade para que a criança exponha suas ideias, seus projetos, a participação e o envolvimento dos pais, vendo o que os filhos estão fazendo na escola. Nós do poder público estamos muito felizes com o que está sendo feito nas escolas municipais”, concluiu.

Comente com o Facebook