Após auxílio da Prefeitura de Florianópolis, casal que estava em situação de rua aluga uma casa para morar


Josivaldo José dos Santos e Maria de Lurdes Mendes estão juntos há 29 anos. O romance começou em um bailão com música alta e agitada e muitos sorrisos. Logo após o encontro, os dois nunca mais se desgrudaram. Vinte e um anos depois acolheram Macaco, o mascote e companheiro da família. Em meio à pandemia, Josivaldo que estava empregado em uma peixaria, perdeu o seu emprego e ficou em situação de rua após um quadro que misturou perda do seu trabalho e depressão. Os três, Josivaldo, Maria e o seu pet “Macaco”, foram acolhidos pela Prefeitura de Florianópolis, passando pelo Centro Pop, Hotel Conveniado, Passarela da Cidadania e Casa Rosa, um dos abrigos para pessoas em situação de rua da Capital.

“Ninguém me separa do meu cachorro, ele é como um filho para mim. Eu e minha esposa nos apaixonamos de primeira e eu sempre quis cuidar dela, em todos os lugares que a gente estava”, comenta Josivaldo enquanto acaricia seu cachorro ao lado de sua esposa.

O casal se prepara para sua mudança ainda nesta semana. A mudança ocorre porque ambos estão recebendo um benefício para concessão de renda após histórico de problemas de saúde e idade avançada. Com o dinheiro arrecadado, irão morar de aluguel e poder começar uma nova história.
“Ontem comprei algumas panelas, sabe? Foram cinco no total. Já pagamos o nosso aluguel e vamos recomeçar”, reitera Josivaldo. 

Maria de 61 anos tem problemas cardíacos e de saúde mental e está sendo acompanhada pela equipe de Assistência Social e de Saúde do Município. “Fui muito bem acolhida aqui na Casa Rosa, para mim aqui a comida é ótima, mas queremos sair e morar em um lugar nosso”, reitera a dona de casa. 
Os dois foram abrigados em conjunto, graças ao olhar técnico da equipe de Assistência Social, que optou por não separar companheiros de tão longa data. Nos abrigos o cachorrinho do casal também foi acolhido em conjunto, passando por cada local onde seus donos iam. Em todos os locais para acolhimento de pessoas em situação de rua de Florianópolis, a Prefeitura acolhe e aceita os pets com seus donos.


Comente com o Facebook