SERVIÇO EMASA: Seu hidrômetro possui Caixa Padrão? Saiba a importância do equipamento


Com o objetivo de facilitar o acesso ao cavalete para leitura do consumo e proteger o hidrômetro – equipamento que mede o consumo de água nos imóveis – a Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (Emasa) padronizou desde 2019, a instalação da caixa-padrão para os hidrômetros das unidades consumidoras. Desde então, todas as solicitações de novas ligação de água ou serviços que alterem o local do ramal e ainda não possui a caixa, devem se adequar ao novo padrão para serem executados.

O consumidor precisa ter uma caixa plástica padronizada instalada de forma embutida no muro da residência ou em uma mureta, nos casos em que a casa não é murada. Desenvolvida com material resistente, a instalação da caixa-padrão traz uma série de benefícios, entre eles: mais segurança do medidor protegendo contra vandalismo, furto e deterioração e a garantia da medição no momento da leitura do consumo, já que a partir deste equipamento não é preciso entrar na propriedade para ter acesso ao relógio.

De acordo com o gerente Financeiro e Comercial, Geovan Fidelis Maciel, mesmo com a caixa padrão ainda ocorrem atos de vandalismo e furtos de hidrômetros. No primeiro semestre deste ano foram registrados 48 furtos do equipamento e apenas em sete dias do mês de julho, foram quatro furtos de hidrômetros, totalizando 52 em 2021. Já em 2020 foram 49 furtos de hidrômetro. “Cada hidrômetro tem um número de identificação que corresponde à matrícula do imóvel e não pode ser utilizado em outra residência. Caso seja identificado um estabelecimento em posse desses equipamentos, poderá responder por receptação de material furtado”, completa o gerente.

Ao constatar o furto do hidrômetro a orientação da Emasa é que registre um Boletim de Ocorrência (BO) junto à Delegacia de Polícia, informando o endereço do imóvel e preferencialmente, o número da matrícula impresso na própria fatura de água. Para não ficar no prejuízo o consumidor poderá solicitar a instalação de um novo hidrômetro sem custos, desde que não seja reincidente, apresentando o BO no prazo de 48 horas no Balcão de Atendimento da Emasa – 4ª Avenida, 250, Centro. Caso não apresente este documento, o usuário precisa pagar uma taxa para a reinstalação do hidrômetro.

Dúvidas, informações e reclamações pelos Canais de Atendimento – SAC: 0800 643-6272; Fala EMASA – Whatsapp: (47) 3261-0000; Protocolo eletrônico: emasa.1doc.com.br/atendimento ou e-mail: [email protected].


Emasa
(47) 3261-0000

Diretoria de Comunicação
Jornalista: Renata Furlanetto
Foto: Arquivo Emasa

www.instagram.com/prefeituradebc 

FOTOS

Comente com o Facebook