Seminário orienta interessados em participar da Certificação de Responsabilidade Social

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Seminário nesta sexta (5) detalhou o edital da certificação, além de tratar de conceitos presentes na responsabilidade socioambiental
FOTO: Bruno Collaço / AGÊNCIA AL

Continua após o anúncio

Com o objetivo de promover a conscientização e a capacitação sobre conceitos na prática da responsabilidade socioambiental, a Comissão Mista de Responsabilidade Social e a Escola do Legislativo da Alesc promoveram na tarde desta sexta-feira (5) um seminário voltado às empresas e organizações interessadas em participar da 13ª edição da Certificação de Responsabilidade Social de Santa Catarina e Troféu Responsabilidade Social – Destaque SC, cujas inscrições estão abertas.

“Esse é um momento importante para a nossa comissão, no qual podemos apresentar e explicar sobre o processo de certificação e destacar pontos que podem auxiliar os interessados em participar”, disse a presidente da comissão, Dayna Maressa Pamato.

Continua após o anuncio

Na abertura do seminário, os participantes acompanharam o painel sobre ESG (ambiental, social e governança, governança, em inglês), compliance e ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável). O responsável foi o pós-doutor em compliance Roberto de Figueiredo dos Santos Junior.

Para ele, a adoção de práticas responsáveis em questões ambientais e sociais não se trata de modismo. “É uma necessidade, temos um clamor mundial por essa mudança”, afirmou Santos Junior.

Continua após o anúncio

Ele destacou que não há uma receita pronta para a adoção dessas práticas. “O contexto da empresa que está em Florianópolis é diferente contexto da empresa que está em Campo Erê. Temos cultura, valores, propósitos diferentes. Temos que entender esse contexto para que se possa dizer qual o caminho”, disse. “Deve-se começar pequeno, criando uma cultura, com ações simples como redução do uso do papel, de energia, de copos plásticos.”

Um dos principais desafios, segundo o palestrante é fazer com que toda a empresa entenda a importância dessas ações. “Um dos maiores desafios é fazer que o que a administração da empresa está pensando em termos de responsabilidade socioambiental chegue até o ‘chão de fábrica’, para que todos entendam a simples ação de cada colaborador pode fazer a diferença nesse processo.”

A vice-presidente da comissão mista, Ana Carolina Rocha, e Carlos Eduardo da Costa, que integra o grupo, apresentaram detalhes do edital para os participantes da palestra. Eles alertaram para a importância do balanço social, documento obrigatório para a inscrição na certificação. Embora seja de livre formatação, algumas informações são obrigatórias, como os investimentos realizados em desempenho social interno e externo e ambiental, entre outras.

“É um edital de leitura simples, pensado de forma muito clara para que todos possam inscrever suas entidades, das pequenas às grandes”, disse Ana Carolina. “Ressaltamos sempre a importância da transparência nesse processo.”

Já Áureo Tedesco e Paulo Sérgio de Souza trataram das questões financeiras e contábeis do balanço social. Os participantes ainda acompanharam os cases de entidades que já participaram da certificação. A íntegra da palestra pode ser conferida no canal da Alesc no Youtube.

A Assembleia foi representada no seminário pelo servidor Sandro Fávero. Ele destacou a importância da participação das empresas na certificação. “Essas empresas estão contribuindo e muito para que se dê mais publicidade a essas questões relacionadas à sustentabilidade, para que isso se multiplique pelo estado”, disse.

Marcelo Espinoza
Agência AL

Fonte: Agência ALESC

Continua depois do anúncio: FP

Redação SC Hoje
Redação SC Hoje
Da redação do Portal SC Hoje News. DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99208.8844

Leia Mais

Mais Lidas

-PUBLICIDADE-