- PUBLICIDADE GOOGLE-

Florianópolis ganha novo programa Trato pelo Saneamento no Dia Mundial da Água

Fotos: Divulgação / Casan

A Casan e a Prefeitura de Florianópolis lançaram nesta sexta-feira, 22, Dia Mundial da Água, o Trato Pela Costa Norte. O novo programa é um presente para a cidade que completa 351 anos neste sábado. O objetivo do trabalho com foco na Bacia da Lagoa das Docas e praias do Norte da Ilha é a identificação de focos de poluição por descarte irregular de esgoto, colaborando com a melhoria da balneabilidade, qualidade ambiental da região e conservação do Aquífero dos Ingleses.

Continua após o anúncio

“Agradecemos esse presente de 351 anos que a Casan dá para Florianópolis, pois é uma ação fundamental para nossa cidade turística. Já tivemos uma melhoria significativa da balneabilidade na última temporada e o esforço de fiscalização e educação ambiental vai continuar com esse novo programa”, disse o secretário de Meio Ambiente de Florianópolis, Eduardo Sardá.

“Saneamento não se faz apenas com obras, mas com responsabilidades compartilhadas entre poder público e sociedade”, reforçou o superintendente de Saneamento Básico da Capital, Bruno Vieira. O presidente da Casan, Edson Moritz, agradeceu a presença de representantes de associações de moradores de Canasvieiras, Ingleses e Rio Vermelho no encontro, destacando a importância do trabalho conjunto. “Será mais um trabalho da Casan em parceria com a Prefeitura de Florianópolis e com a população para melhoria contínua da balneabilidade, do saneamento e do desenvolvimento sustentável de nossa cidade”, ressaltou.

Continua após o anuncio
Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

O novo projeto vai seguir o modelo dos bem-sucedidos Floripa Se Liga na Rede, Trato pelo Capivari e Trato pela Lagoa da Conceição. A Casan também possui Tratos pelo Saneamento em São José, Laguna, Criciúma e Chapecó. Estão previstas aproximadamente 7 mil vistorias durante um ano de execução. As equipes técnicas fiscalizarão os imóveis, verificando se estão devidamente conectados à rede de coleta da Casan, Dessa forma, será também possível identificar ligações clandestinas de esgoto no ambiente e em redes de drenagem. As fiscalizações ainda ajudarão a verificar se a água da chuva que escoa em calhas e ralos está direcionada para o sistema de esgoto, infração que compromete todo o funcionamento da infraestrutura operada pela Companhia.

“O diálogo com a comunidade, em ações de educação ambiental, é outra meta do programa, pois precisamos continuar trabalhando a mensagem de que a balneabilidade de nossas praias e a qualidade ambiental em nossa cidade depende de todos!”, complementa o chefe da agência Florianópolis da Casan e gestor do Trato pelo Costa Norte, Francisco Pimentel. Um dos diferenciais do programa será a atuação em áreas não atendidas por rede de coleta de esgoto, com o objetivo de mapear e diagnosticar a situação do saneamento e obter uma base técnica para a tomada de decisão sobre futuras expansões na Região Norte da Ilha.

Continua após o anúncio

Saiba mais

TRATO PELA COSTA NORTE

ÁREA DE ATUAÇÃO:  Ponta das Canas, Cachoeira do Bom Jesus, Praia da Daniela, Praia do Forte, entre outros da Costa Norte de Florianópolis

OBJETIVO: Identificar focos de poluição por descarte irregular de esgoto e melhorar a qualidade ambiental da região

ABRANGÊNCIA: 7 mil vistorias durante um ano de execução no Norte da Ilha

DIFERENCIAL: Orientação técnica gratuita, com atuação também em áreas não atendidas por rede coletora de esgoto, com o objetivo de mapear e diagnosticar a situação do saneamento

ESTRATÉGIA: Envolver e sensibilizar a comunidade e diferentes instituições sobre a responsabilidade de cada um na qualidade ambiental.

Fonte: Governo SC

Continua depois do anúncio: FP

- CONTEÚDO PROMOVIDO -

Veja Mais