- PUBLICIDADE GOOGLE-

Modelo catarinense de coordenação de transplantes é destaque em reunião com profissionais de todo o país

Foto: Divulgação / SES

O trabalho realizado pela coordenação do SC Transplantes foi um dos temas apresentados na reunião realizada no Hospital de Rim e Hipertensão (HRim), em São Paulo, promovida em parceria com a Associação Brasileira de Transplantes de Órgãos (ABTO), nesta terça-feira, 5. Participaram em torno de 200 pessoas de vários estados, sendo uma parte presencial e outra online.

Continua após o anúncio

Em 2023, Santa Catarina atingiu recorde histórico com a realização de 1.713 procedimentos. Com esse resultado, a SC Transplantes atingiu a marca de 22.358 mil transplantes realizados ao longo de duas décadas de história. Outro destaque é o percentual de doações por milhão de população (pmp), com Santa Catarina apresentando um índice de 42,5, em comparação com a média nacional de 19,9 para o mesmo período, segundo a ABTO.

Há pouco mais de um mês, o SNT, a ABTO e o HRim começaram reuniões semanais às terças-feiras, explorando temas atuais do Sistema Nacional de Transplantes e buscando aprimoramento. “O tópico de ontem foram as Centrais Estaduais de Transplantes e Organizações de Procura de Órgãos. Fui convidado, em nome da Secretaria de Estado da Saúde e do SC Transplantes, para falar sobre o nosso modelo de coordenação de transplantes. Foram debatidos os diversos aspectos da coordenação hospitalar de transplantes, a evolução dos nossos resultados nesses anos e também de problemas que enfrentamos. O encontro foi muito produtivo, com intervenções positivas sobre o modelo utilizado em Santa Catarina. O professor José Medina Pestana, que é o superintendente do Hospital do Rim, reforçou que o modelo catarinense de coordenação de transplantes é o que tem que ser levado para o Brasil”, explica o coordenador da Central Estadual de Transplantes de SC, Joel de Andrade.

Continua após o anuncio

Além da troca de experiências, Joel de Andrade teve a oportunidade conhecer detalhes do funcionamento do HRim. A instituição é o maior serviço de transplantes renais do mundo, que fez 1100 procedimentos em 2023. Este número representa 20% dos transplantes renais do Brasil e 60% do que é realizado em São Paulo.

Mais informações para a imprensa:
Gabriela Ressel 
Assessoria de Comunicação
Secretaria de Estado da Saúde
(48) 99134-4078
[email protected]
www.saude.sc.gov.br

Continua após o anúncio

Fonte: Governo SC

Continua depois do anúncio: FP

- CONTEÚDO PROMOVIDO -

Veja Mais