- PUBLICIDADE GOOGLE-

Casan reforça trabalho para garantir serviços a moradores e turistas que visitam Laguna no carnaval

Foto: Acervo CASAN

A CASAN de Laguna está reforçando o trabalho para garantir água e esgoto tratado para moradores e turistas que visitam o município durante o carnaval. No período, a chegada dos visitantes praticamente triplica o número da população normal da cidade.

Continua após o anúncio

Além das praias da cidade, Laguna tem o carnaval de rua que é considerado um dos maiores e melhores do sul do país. Não é por acaso que, durante essa época, a população da cidade salta de 42 mil para 150 mil pessoas, o que aumenta o consumo de água em até quatro vezes, assim como a produção de esgoto.

“A Casan de Laguna está preparada para receber essa demanda. Assim como foi no Réveillon, realizamos nosso planejamento durante todo ano para nessa época atender bem nossos clientes”, afirma Diego Rodrigues Medeiros, chefe da agência de Laguna da CASAN. “Estamos com equipes extras, geradores de energia em pontos estratégicos, redobramos as manutenções preventivas, aumentamos nosso volume de produção de água tratada, e melhoramos todo nosso parque de bombas”, afirma.

Continua após o anuncio

Além do aumento da população durante o carnaval, existe outro aspecto que também dificulta o tratamento de esgoto durante esse período. Com a recepção de turistas estrangeiros, muitos costumam jogar papel higiênico no vaso sanitário, o que é comum fora do Brasil, por conta de um sistema específico para este tipo de descarte. A CASAN já lançou uma campanha de conscientização para alertar sobre esse hábito (que você pode ver aqui). Mesmo assim, outros preparos estão sendo feitos em Laguna para garantir o bom funcionamento da rede de esgoto. Para isso, a equipe realiza diariamente manutenção preventiva nas elevatórias de esgoto e rede de coleta.

Para orientar sobre o uso devido da rede de esgoto, a CASAN também atua em parceria com a prefeitura, por meio do Trato por Laguna. Uma iniciativa que busca divulgar e orientar os usuários da utilização correta do sistema de esgoto. O trato também verifica se imóveis apresentam irregularidades em seu sistema hidrossanitário e, em 2023, impediu que 300 milhões de litros de esgoto fossem despejados no meio ambiente de Laguna.

Continua após o anúncio

Vale lembrar que todas as praias de Laguna que são atendidas pelo sistema de coleta e tratamento de esgoto da CASAN apresentam os índices próprios de balneabilidade.

Fonte: Governo SC

Continua depois do anúncio: FP

- CONTEÚDO PROMOVIDO -

Veja Mais