Continua Após a Publicidadade

O Município de Itajaí, por meio da Procuradoria de Defesa do Consumidor (Procon), divulga a pesquisa de preços da Cesta Básica em Itajaí no mês de julho de 2023. De acordo com o levantamento, o somatório dos itens de menor valor apresentou uma redução de 3,75% no preço, enquanto os de maior valor tiveram aumento de 1,75%. A variação entre os itens de maior e menor valor foi de 73,12%.

A pesquisa foi realizada na segunda-feira (03) em oito estabelecimentos da cidade e levou em consideração 36 itens. A Cesta Básica com produtos de menor valor ficou em R$ 241,63, enquanto a de maior valor totalizou R$ 418,32. De acordo com o Procon, isso ressalta a importância da pesquisa de preço para economia na hora das compras.

Advertisements

O produto com maior aumento de preço em relação ao levantamento de junho foi o papel higiênico, que apresentou uma diferença de 63%. Em seguida, aparece o sabonete de 90 gramas com aumento de 13,33%, a água sanitária de um litro com acréscimo de 8,03%, o alho, que teve alta de 5,89%, e o feijão com aumento de 4,18%.

Ainda comparado ao mês de junho, o corte de lombo suíno foi o produto com a maior redução no valor: 23,93%. Na sequência aparecem banana (-23,75%), o vinagre de 900 ml (-22,35%), o detergente de 500 ml (-16,76%) e o achocolatado em pó de 400 gramas (-16,71%).

Outra dica do Procon na hora das compras é para que os consumidores comparem os preços por unidade de medida da etiqueta, para maior economia. Além disso, o órgão pede atenção à data de validade dos produtos que estão em promoção nos estabelecimentos, já que existe a possibilidade de o morador comprar alimentos em grande quantidade e não conseguir consumi-los antes do prazo de vencimento.

Fonte: Prefeitura de Itajaí – SC

Continua Após a Publicidadade