Criciúma Chess Open 2023: município ganha destaque em evento internacional de xadrez

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Com sete dias marcados por disputas entre enxadristas do Brasil e da América Latina, Criciúma conquistou destaque no evento internacional de xadrez Criciúma Chess Open 2023. As disputas iniciaram no dia 13 de janeiro e encerraram na última quinta-feira (19), contando com a participação de 71 atletas, sendo 25 representantes de Criciúma. O evento foi organizado pela Fundação Municipal de Esportes de Criciúma (FME) e Associação Sul Catarinense de Xadrez (ACX-Criciúma), com o apoio da Associação Empresarial de Criciúma (ACIC) e Delupo Apart Hotel.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

De acordo com o coordenador de Xadrez da FME, Claudionor Alcides Lima Pirola, entre os 25 atletas de Criciúma que participaram do evento destaca-se o título feminino de primeiro lugar pela enxadrista Kathie Goulart Librelato. Além dos destaques de categoria com os atletas: Bryan da Silva Figueiredo no sub 08 e Kaiki Pereira Mariano no sub 16.

Em geral, a nossa equipe ainda é bem jovem, mas demonstraram ótimo desempenho em todas as disputas que participaram. Além disso, no campeonato, por ter um foco internacional, eles tiveram a oportunidade de jogar com um público profissional adulto e com larga escala de experiência. Desse modo, contribuindo para proporcionar evoluções técnicas e estratégicas em experiência bem positivas para todos os nossos atletas”, destacou.

Visitas pelos pontos turísticos

Durante os sete dias de competição, os atletas também tiveram a oportunidade de conhecer os pontos turísticos do município de Criciúma. Na última segunda-feira (16) eles passaram pelo Parque Astronômico Municipal Albert Einstein E=mc² e na quarta-feira (18) foi realizada uma visita ao Parque dos Imigrantes na Atafona com um café da manhã e também uma visita no principal ponto turístico de Criciúma, a Mina de Visitação Octávio Fontana.

Foi um momento importante para a nossa cidade, e que vai além do esporte. Recebemos pessoas que vêm de outros cinco países, e também de outros estados brasileiros, e essas pessoas conheceram os nossos equipamentos turísticos. Isso só vai evidenciar ainda mais as potencialidades turísticas que nós temos a desenvolver”, ressaltou o presidente da Fundação Cultural de Criciúma, Joster Favero.

Criciúma como a cidade do xadrez

O Criciúma Chess Open 2023 foi o primeiro evento internacional de xadrez sediado no município de Criciúma, sendo marcado pela participação de seis países: Argentina, Brasil, Equador, Paraguai, Peru e Uruguai. Do Brasil vieram atletas de Roraima, Ceará, São Paulo, Paraná, Minas Gerais, Bahia, Rio Grande do Sul e Santa Catarina.

Além do torneio ter a chancela internacional, ele fez parte do ciclo de Abertos do Brasil com os sete atletas brasileiros melhores colocados se classificando para a final do Campeonato Brasileiro de 2023. Segundo o presidente da FME, Neto Uggioni, o objetivo do campeonato era possibilitar uma competição internacional para os atletas de Criciúma.

Conseguimos atingir todos os nossos objetivos, principalmente o de possibilitar a participação de nossos atletas em uma competição de alto nível de maneira internacional. Ainda, somado com todo o nosso desempenho e conquistas nas partidas, conseguimos também proporcionar uma grande visibilidade para o nosso município, como por exemplo, os seus potenciais turísticos e gastronômicos”, afirmou.

O presidente ressaltou ainda que o plano para o próximo ano é conseguir trazer uma segunda edição do Criciúma Chess Open para o município novamente. “Com a realização do evento conseguimos, ainda, potencializar o turismo da cidade atraindo mais estrangeiros, e realizar o nosso principal objetivo: valorizar o esporte e proporcionar ótimas experiências e destaques para todos os nossos atletas da Fundação Municipal de Esportes”, concluiu.

Fonte: Prefeitura de Criciúma

Continua após a Publicidade