Monark pede emprego fora da mídia após ser banido de redes sociais

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

O youtuber Bruno Monteiro Aiub, conhecido como Monark, teve todas as suas redes sociais derrubadas por determinação do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Alexandre de Moraes. “O Estado decidiu que eu não posso mais existir na vida pública da internet”, disse Monark, durante participação no podcast Inteligência Ltda., na terça-feira (17).

Atualmente, o youtuber mantém apenas seu canal no Rumble. No entanto, segundo ele, o Rumble foi notificado pelo Tribunal Superior Eleitoral para desativar seu canal, mas a empresa “está lutando contra essa ordem e não me barraram ainda”.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Monark disse que, como teve seu canal no YouTube, perfis no Twitter e no Instagram bloqueados, ele pode precisar procurar um emprego fora da internet, e pediu ajuda aos internautas que porventura tenham alguma empresa e queiram empregá-lo.

“Fui banido de todas as redes sociais que existem. O Estado declarou ilegal qualquer plataforma [hospedar] qualquer tipo de conteúdo vindo de mim”, disse o youtuber.

Continua após a Publicidade

Da redação do Portal SC Hoje News. DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99208.8844