Lateral da Seleção Brasileira, Daniel Alves é detido na Espanha por suposto estupro

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade
A polícia espanhola prendeu Daniel Alves após o ex-jogador do Barcelona e do São Paulo prestar depoimento na delegacia. O brasileiro é acusado de suposto assédio sexual a uma mulher na boate Sutton, em Barcelona, ​​e denunciou o caso nesta sexta-feira (13) na delegacia.

Dani Alves agora vai à Justiça. O jogador foi transferido em uma viatura para o tribunal e agora o juiz vai decidir o que fazer com ele se mandar o jogador para a prisão, improvável, ou libertá-lo sob acusação.

A vítima denunciou o jogador de futebol por toques não consensuais no referido local durante as últimas férias de fim de ano. Dani foi denunciado no dia 2 de janeiro e agora prestou depoimento na delegacia. O juiz decidirá agora.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Dani Alves deixou o Barcelona no final da temporada anterior, depois que a Diretoria de Esportes decidiu não renovar seu contrato. O brasileiro assinou com o Pumas e disputou a Copa do Mundo com a seleção brasileira.

Mesmo sem estar no clube espanhol, foi ao país passar alguns dias em Barcelona onde ocorreram os fatos pelos quais é acusado.

Jornal espanhol revela registro das câmeras de segurança

O jornal espanhol El Taquigrafo informou na última quinta-feira (19) que as câmeras de segurança da boate mostram o jogador da Seleção Brasileira chegando ao local com um amigo por volta das 2h00.

Às 4h22, a vítima vai ao banheiro e Daniel Alves a segue segundos depois. Neste local, não há câmeras de segurança. A mulher sai do banheiro 47 segundos depois e continua sendo seguida pelo jogador.

As câmeras mostram Daniel Alves e o amigo deixando a boate 10 minutos depois. Neste momento a mulher é vista chorando descontroladamente com amigas a consolando e alertando funcionários do local.

A Boate Sutton teria acionado o “protocolo de proteção a vítimas de assédio” e tentou encontrar Daniel Alves, mas sem sucesso. O jogador, assim como sua esposa, nega as acusações.

Continua após a Publicidade

Da redação do Portal SC Hoje News. DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99208.8844