Novos Diretores e Diretores adjuntos da Rede Municipal de Educação foram empossados nesta terça-feira, 19

Continua após a Publicidade

A Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), empossou 124 diretores e diretores adjuntos eleitos, que irão gerir 78 Centros de Educação Infantil (CEIs) e 46 Escolas Básicas Municipais (EBMs) de 2023 a 2026. A cerimônia de posse foi realizada na noite desta segunda-feira, 19, na RVG Eventos. Além dos novos diretores e diretores adjuntos o ato contou com as presenças do prefeito, Mário Hildebrandt, da vice-prefeita, Maria Regina de Souza Soar, da secretária Municipal de Educação, Patrícia Lueders, do secretário Municipal de Desenvolvimento Social Alexandre Matias.

A vice-prefeita Maria Regina de Souza Soar destacou que o reconhecimento do trabalho e dedicação dos novos gestores virá da comunidade nos próximos anos. “Os novos gestores, foram escolhidos de forma democrática, pelo plano de gestão apresentado durante o processo eleitoral. Tenho certeza que durante os quatro anos de mandato, conforme o planejamento for saindo do papel para pratica cotidiana escolar, no dia a dia com os nossos estudantes, todo esforço e dedicação serão devidamente reconhecidos pela comunidade que os elegeram”, comenta.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Todos os profissionais empossados cumpriram todos os requisitos e etapas da Lei Complementar Municipal 9.199/2022 que instituiu o Processo de Qualificação de Diretor Escolar e Diretor Escolar Adjunto das Instituições de Ensino mantidas pela Rede Pública Municipal de Ensino de Blumenau. “Este grupo de diretores representa muito mais que renovação, para estarem aqui hoje, os profissionais passaram por um processo novo, porém justo e democrático, foram escolhidos pela comunidade, estudantes e servidores.  Estou muito  otimista e tenho convicção que a educação pública municipal, manterá nos próximos anos o  trabalho de excelência”, avalia a secretária de Educação, Patrícia Lueders.

Visando se adequar a legislação federal do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), e manutenção da gestão democrática, o executivo municipal, adotou a partir de 2022, o Processo de Qualificação de Diretores Escolares e Diretores Escolares Adjuntos, neste modelo de escolha, a comunidade a comunidade escolar, os estudantes e os profissionais de educação escolheram o Plano de Gestão Escolar mais adequado para a Instituição de Ensino e não mais um candidato. 

A nova legislação também regulamentou o peso dos votos. Nos Centros de Educação Infantil (CEIs), os votos de pais e/ou responsáveis com peso de 60%, votos dos servidores e educadores 40%. Já nas Escolas Básicas Municipais (EBMs), os votos dos estudantes a partir 12 anos de idade têm peso 15%, pais e/ou responsáveis têm 45%, enquanto profissionais ficam com peso de 40%. 

“O Processo de Qualificação de Diretor Escolar e Diretor Escolar, instituído esse ano pelo nosso governo, priorizou a escolha livre e democrática da comunidade e envolveu as famílias no processo eleitoral, dando ao voto deles o peso maior. Isso faz com que eles criem o sentimento de pertença com a Instituição de Ensino, acompanhem as propostas pedagógicas, o andamento do plano de gestão escolhido, e participem de forma conjunta das decisões. A nossa gestão optou por esse modelo de escolha, porque acredita que dessa forma os beneficiados serão as nossas crianças e adolescentes atendidas pela Rede Pública Municipal de Ensino”, afirmou o prefeito de Blumenau, Mário Hildebrandt.

Antes de entrarem efetivamente em exercício, os novos gestores escolares irão passar por uma formação especifica, para que conheçam as políticas públicas da educação municipal, bem como as legislações vigentes. 

Assessor de comunicação: Emerson Jose Geraldo

postada em 20/12/2022 14:57 – 2 visualizações

Fonte: Prefeitura de Blumenau SC

Continua após a Publicidade