Binário da Avenida Santos Dumont traz mobilidade e fluidez no trânsito de Criciúma

Continua após a Publicidade

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Iniciada em março de 2020, a primeira etapa do Binário da Santos Dumont veio para melhorar a mobilidade urbana de Criciúma. A obra modificou o trânsito no bairro São Luiz e trouxe melhorias na circulação de pedestres, ciclistas e motoristas, além do desenvolvimento econômico da região. A melhoria tem uma segunda etapa que são as obras de arte especiais, viaduto e a trincheira. O binário conta, ainda, com mais etapas que entraram no contrato do Fonplata II, assinado em outubro.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

A inauguração do novo sistema viário está prevista para o dia 6 de janeiro de 2023, no aniversário de 143 anos de Criciúma. “Entre os nossos objetivos de governo, está a mobilidade urbana. O Binário da Avenida Santos Dumont é a demonstração desse empenho. É uma obra grandiosa que visa desafogar o trânsito no bairro São Luiz e criar rotas alternativas, além de ligar com a Via Rápida no futuro”, comenta o secretário municipal de Infraestrutura, Planejamento e Mobilidade Urbana, Tita Belloli.

A primeira etapa englobou a drenagem, que consiste na implantação de galerias de águas pluviais, implantação da rede de esgotamento sanitário e uma nova rede de abastecimento de água na Luiz Rosso – executadas pela Casan – além da pavimentação e urbanização das Avenidas Santos Dumont, Carlos Pinto Sampaio e Imigrantes e das ruas Fioravante Benedet, Eugênio Tessman e Francisco Milioli. Ao todo, o trecho revitalizado conta com mais de 6 km. O local foi beneficiado também com calçadas acessíveis, rampas, canteiros centrais floridos, ciclofaixas, sinalização e iluminação.

A mobilidade urbana tem como primeiro e segundo plano o pedestre e o ciclista. O binário tem na sua natureza criar um local apropriado para este público-alvo, com calçadas acessíveis e ciclofaixas em toda a sua extensão, proporcionando assim mais segurança para o criciumense que prioriza outros meios de locomoção. Claro, a fluidez no trânsito também acompanha essa mudança e cria também um novo eixo econômico no município, com extensão dos negócios de serviço e gastronômico”, destaca o prefeito de Criciúma, Clésio Salvaro.

Ciclofaixas

Em toda a extensão da primeira etapa do Binário da Santos Dumont foram implantadas ciclofaixas. A pista iniciará na Santos Dumont, seguindo pela Pinheiro Machado e depois pela Avenida Carlos Pinto Sampaio, até a rua Imigrantes Poloneses e retornando pela Santos Dumont. O percurso terá em torno de 6,50 quilômetros.

Fonplata

O recurso para realização das obras veio por meio do Fundo Financeiro para o Desenvolvimento da Bacia do Prata (Fonplata), no valor de US$ 17,2 milhões. Entre os critérios para efetivar a operação, é necessário ter nível A na Capacidade de Pagamento (Capag).

O Fonplata é um banco de desenvolvimento multilateral composto por cinco países: Brasil, Argentina, Bolívia, Paraguai e Uruguai. A entidade financia projetos de pequeno e médio porte, em valores médios de US$ 50 milhões, especialmente nas áreas urbanas vulneráveis, zonas rurais e regiões fronteiriças, a fim de impulsionar a integração entre países ou entre regiões dentro de um mesmo país.

Fonte: Prefeitura de Criciúma

Continua após a Publicidade