Feira de Robótica reúne protótipos e projetos de 33 escolas da Rede Municipal de Ensino

Continua após a Publicidade

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Depois de passarem o ano de 2022 formulando ideias para a construção de projetos tecnológicos durante os encontros no contraturno escolar nos Clubes de Robótica, os estudantes das escolas municipais apresentarão e socializarão todos os seus protótipos nesta quinta-feira (8) na Feira de Robótica. O evento acontece a partir das 13h30, no Hall do Paço Municipal, com a participação de estudantes do 5º ao 9º ano, de 33 escolas da Rede Municipal de Ensino.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Segundo o coordenador da Tecnologia Educacional, Angelo Machado Bortolon, o objetivo do evento é a socialização de trabalhos, com a finalidade de mostrar as ideias e os protótipos dos alunos em projetos que visam melhorias na sociedade com desenvolvimento sustentável.

Durante o ano, em nossas atividades do clube, os alunos fizeram projetos pensando sempre em possíveis melhorias aos ambientes de sua convivência, seja na escola ou até mesmo em casa. Todas as ideias foram alinhadas com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) e com os objetivos desenvolvidos pela Organização das Nações Unidas (ONU) para conseguirmos desenvolver e praticar uma melhoria social”, frisou.

De acordo com o secretário municipal de Educação, Celito Cardoso, as atividades dos Clubes de Robótica com os estudantes trazem diversos benefícios, como o desenvolvimento na resolução de problemas por meio do pensamento computacional. “Isso faz com que o aluno não se veja somente como um consumidor, mas também como um criador de tecnologia, potencializando o futuro regional para a produção tecnológica”, destacou.

Clubes de Robótica

Conforme o coordenador, o projeto dos Clubes de Robótica nas escolas municipais são executados em 33 escolas da rede municipal de ensino participando cerca de 2 mil estudantes. “A robótica tem três pilares que são conduzidos no projeto: a mecânica que é trabalhada com as montagens e a manipulação 3D, a eletrônica e a programação. Além disso, no próximo ano serão inauguradas também as salas Maker, melhorando ainda mais a infraestrutura já existente dentro das nossas salas de aula”, pontuou.

Machado ainda ressaltou que a importância da realização dos Clubes de Robótica está, principalmente, na futura integração dos estudantes no mercado de trabalho. “O conhecimento e os avanços da tecnologia são cada vez mais essenciais para a integração no mercado de trabalho. Então, desenvolver essas atividades com os nossos estudantes prepara eles para um ramo promissor no futuro da nossa sociedade”, concluiu o coordenador da Tecnologia Educacional.

Fonte: Prefeitura de Criciúma

Continua após a Publicidade