Audiência Pública apresentou modelo de concessão do Transporte Público Integrado da Grande Florianópolis

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Uma audiência pública aberta à comunidade apresentou o projeto de concessão do Transporte Público Coletivo Integrado da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (RMF), na tarde desta quarta-feira, 7, em Florianópolis. O evento, promovido pela Superintendência de Desenvolvimento da Região Metropolitana da Grande Florianópolis, foi transmitido ao vivo pelo canal do Governo do Estado no Yutube.

O projeto de concessão vem sendo elaborado desde 2016 e tem base no Plano de Mobilidade da Grande Florianópolis. A ideia é que uma única empresa passe a operar o transporte intermunicipal na região, com passagens integradas por meio de bilhetagem eletrônica e outras mudanças significativas aos usuários. Entre elas, a alteração de linhas – para que, por exemplo, um passageiro que queira se deslocar de um município a outro na região continental não precise se deslocar antes a um terminal na Ilha de Santa Catarina.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

“Estamos dando seguimento a um projeto de Estado, que vai impactar diretamente na rotina dos catarinenses que vivem na região. É mais uma demanda histórica dos catarinenses que está sendo atendida. Vamos deixar tudo pronto para a tão esperada concessão, baseada em estudos sólidos, consistentes”, avalia o superintendente-chefe da Suderf e secretário de Estado da Infraestrutura e Mobilidade, Thiago Vieira.

Etapa obrigatória do processo de licitação, o evento contou com a presença do coordenador e pesquisador do Observatório de Mobilidade Urbana da UFSC, professor doutor Bernardo Meyer; do vice-prefeito de São José, Michel Schlemper, representando a Associação dos Municípios da Grande Florianópolis (Granfpolis); e do coordenador do Conselho Metropolitano para o Desenvolvimento da Grande Florianópolis, Marius Bagnati.

“Este projeto, que foi subsidiado também por estudos realizados pela UFSC, vai permitir avanços importantes, como a maior capilaridade e qualidade do serviço”, destaca Meyer.

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Próximos passos

Os documentos referentes à concessão ficarão disponíveis para consulta pública no site https://especial.sc.gov.br/ppi do dia 7 de dezembro de 2022 ao dia 13 de janeiro de 2023.

Passada a audiência e o prazo da consulta, o material é encaminhado à análise do Tribunal de Contas de SC (TCE) e, posteriormente, o processo licitatório para a concessão poderá ser iniciado. A empresa vencedora terá 15 anos para explorar o serviço.

Curiosidades sobre o novo modelo

. A empresa vencedora terá o compromisso em renovar a frota a pelo menos cada 10 anos
. Todos os ônibus serão acessíveis a pessoas com deficiência
. Essa é a primeira fase da reestruturação do sistema de transporte e de mobilidade da RMF, que contará com novas infraestruturas e opções de modais em uma segunda etapa
. Transporte integrado (pelo tempo de duas horas)

Municípios impactados

. Águas Mornas
. Antônio Carlos
. Biguaçu
. Governador Celso Ramos
. Palhoça
. São José
. Santo Amaro da Imperatriz
. São Pedro de Alcântara
. Florianópolis

Saiba mais

O quê: Consulta pública de documentos para concessão do Transporte Público Coletivo Integrado da Região Metropolitana da Grande Florianópolis (RMF)
Quando: 7 de dezembro de 2022 a 13 de janeiro de 2023
Onde: no site https://especial.sc.gov.br/ppi do dia 7 de dezembro de 2022 ao dia 13 de janeiro de 2023

Fonte: Governo SC

Continua após a Publicidade