Santa Catarina avança em qualidade de vida com investimentos inéditos em saneamento

Continua após a Publicidade

Com investimentos históricos em saneamento, o Governo de Santa Catarina entregou no período de 2019 a 2022 mais saúde e qualidade de vida em todas as regiões. Por meio da Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (CASAN), o Governo Carlos Moisés programou R$ 1,7 bilhão para a ampliação e modernização da infraestrutura de abastecimento. São 352 projetos previstos, com mais da metade em andamento.

Também no campo do esgotamento sanitário os investimentos são inéditos, chegando a R$ 1,2 bilhão, entre obras entregues e em andamento, garantindo às cidades mais condições de desenvolvimento sustentável.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Entre 2019 e 2022, 15 novos sistemas de esgotamento foram entregues e outras 17 obras prosseguem. Com os novos sistemas, o índice de cobertura urbana de esgoto nos municípios em que a CASAN atua passou de 25,72% para 31,76%.

“Investir em saneamento básico é pensar nas futuras gerações. São obras muitas vezes não vistas, mas que geram impactos profundos na saúde e na qualidade de vida das pessoas. Por isso, assumimos o compromisso com os municípios e com os catarinenses de elevar os índices de saneamento básico em Santa Catarina.”, destaca o governador Carlos Moisés.

“Temos um conjunto histórico de investimentos, tanto em esgoto como abastecimento, já que o Planejamento Hídrico de Santa Catarina foi uma prioridade do Governador Carlos Moisés. Esse suporte tem permitido que a Casan avance na prestação de serviços e também continue trabalhando para cumprir as determinações de universalização do novo Marco do Saneamento”, destaca a presidente Roberta Maas dos Anjos.

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News
ETA do Projeto Chapecozinho será capaz de produzir 1,2 mil litros de água por segundo / Foto Julio Cavalheiro/SECOM

Planejamento Hídrico

Com suporte do Governo do Estado para investimento de R$ 1,7 bilhão em abastecimento, a CASAN moderniza e amplia essa infraestrutura que já atende praticamente 100% da população na área urbana dos 194 municípios em que atua.

Os recursos atendem ao crescimento constante da população e trazem mais condições para captação, tratamento, distribuição e reserva da água, um recurso natural cada vez mais distante dos centros urbanos e comprometido em períodos de estiagem.

Os investimentos do Planejamento Hídrico correspondem à contratação de 264 novos reservatórios (214 já em obras), 46 Estações de Tratamento de Água, 55 adutoras, 15 poços e 8 barragens.

Está entre estas obras o Projeto Chapecozinho, maior infraestrutura de abastecimento em implantação no Estado, com construção de uma ETA capaz de produzir 1,2 mil litros de água por segundo, dois reservatórios e uma macroadutora de mais de 50 quilômetros. Voltado a resolver as dificuldades de captação de água nos municípios de Chapecó, Xaxim, Xanxerê, Cordilheira Alta e Bom Jesus, esse megaprojeto vai beneficiar cerca de 500 mil moradores.

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News
Laguna terá nova estrutura de saneamento / Foto Ricardo Woffenbuttel/SECOM

Ampliação da coleta e tratamento de esgotos

Especialmente nos últimos quatro anos, Santa Catarina avançou também em sua infraestrutura de coleta e tratamento de esgotos. Quinze grandes obras foram finalizadas, com aplicação de  R$ 390,6 milhões.

As novas estruturas de saneamento beneficiam cidades como Araquari (Bairro Itinga), Balneário Piçarras, Braço do Norte, Canoinhas, Chapecó (Bairro Efapi), Concórdia, Criciúma (Grande Próspera e São Luiz), Curitibanos, Descanso, Erval Velho, Florianópolis (Monte Cristo), Forquilhinha, Ibirama, Indaial (Bairro Tapajós) e Laguna (veja lista completa abaixo)

Outros importantes investimentos em esgotamento sanitário prosseguem, com 17 obras em andamento. Na Capital, a CASAN possui em andamento a ampliação do Sistema de Esgoto Insular e do Sistema Ingleses/Santinho, além da implantação do Sistema Monte Verde / Saco Grande – projetos que em conjunto somam investimentos de aproximadamente R$ 400 milhões.

Estão ainda em obras a implantação ou ampliação da infraestrutura de esgoto em Balneário Piçarras, Barra do Sul, Ipira-Piratuba, Itá, Mafra, Rio do Sul, Santo Amaro e Xanxerê (relação de obras em andamento abaixo).

Este ano a CASAN também encaminhou aquela que será a maior obra de esgotamento sanitário de Santa Catarina: a desativação das lagoas de estabilização de Potecas, em São José, e a construção de uma nova e moderna Estação de Tratamento.

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News
Na Capital, a Casan implanta o Sistema Monte Verde/Saco Grande | Foto Julio Cavalheiro/SECOM

Compromisso social

“Trabalhamos com projetos grandiosos, como o Chapecozinho e a ETE Potecas, que atenderão um grande número de pessoas, mas também com melhorias de menor porte, levando qualidade de vida a pequenas comunidades de Santa Catarina”, ressalta a engenheira sanitarista, destacando o papel social da CASAN e de indutora do desenvolvimento catarinense.

Isso porque ao mesmo tempo que atende grandes centros urbanos e econômicos como Florianópolis, São José, Criciúma Rio do Sul e Chapecó, a CASAN garante saneamento a um grande número de pequenos municípios  ̶  cidades que dependem do sistema de subsídio cruzado e tarifa igualitária para garantir fornecimento de água e infraestrutura de esgoto.

“Entre os 195 municípios que fazem parte do Sistema da CASAN, quase 70% têm dificuldades do ponto de vista de sua arrecadação e capacidade de investimento em água e esgoto. Temos muito orgulho em atender também estas cidades, levando saúde pública e qualidade de vida a todas as regiões de Santa Catarina”, destaca a diretora-presidente.

SAIBA MAIS

PLANEJAMENTO HÍDRICO

Investimento: 1,7 bilhão

Obras:

  • 352 projetos previstos – 54% em andamento
  • 263 reservatórios
  • 46 ETAs
  • 55 adutoras
  • 15 poços
  • 8 barragens

AVANÇOS NO ESGOTAMENTO SANITÁRIO

Principais ações / 2019-2022

  • Total de investimentos – 15 obras entregues: R$ 390.691.209,53 milhões
  • Total de investimentos / 17 obras em andamento: R$ 836.780.779,00

OBRAS ENTREGUES

  • SES Araquari Itinga
  • SES Concórdia
  • SES Curitibanos
  • SES Chapecó – Bairro Efapi
  • SES Cricíuma – Bairro Próspera
  • SES Criciúma – Bairro São Luiz
  • SES Ibirama
  • SES Indaial
  • SES Ituporanga
  • SES Florianópolis – Monte Cristo
  • SES Lauro Muller
  • SES Laguna – Emissário Bacia A
  • SES Piçarras
  • SES São José – Bacias E1 e F
  • SES São José – Centro histórico e Praia Cumprida

OBRAS EM ANDAMENTO

  • SES Anita Garibaldi
  • SES Barra do Sul
  • SES Catanduvas – Ampliação Bairro Pinheiros

SES CHAPECO / AMPLIAÇÃO BAIRROS VILA RICA E JARDIM AMÉRICA

  • SES Florianópolis – Bairros Saco Grande, João Paulo e Monte Verde e interligação do Sistema Santo Antônio de Lisboa, Sambaqui e Cacupé
  • SES Forianópolis – Insular – Bacias D e F
  • SES Ingleses
  • SES Ipira-Piratuba
  • SES Itá
  • SES Nova ETE Potecas
  • SES Piçarras – Ampliação)
  • SES Mafra
  • SES Rio do Sul
  • SES Santo Amaro da Imperatriz
  • SES São Lourenço do Oeste
  • SES Urubici
  • SES Xanxerê
  • SES Xaxim
  • SES Urupema

PROJETOS EM LICITAÇÃO

  • SES Araquari – Ampliação)
  • SES Biguaçu
  • SES Bom Jardim da Serra
  • SES Braço do Norte – Ampliação
  • SES – Capão Alto – Ampliação
  • SES Catanduvas – Ampliação
  • SES Curitibanos – Ampliação
  • SES Ituporanga – Ampliação
  • SES Otacílio Costa – Ampliação

Fonte: Governo SC

Continua após a Publicidade