Feira Natal Feito à Mão é opção para compra de presentes em Joinville

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

Centenas de opções de presentes artesanais podem ser encontrados na Feira Natal Feito à Mão, que abriu nesta terça-feira (6/12). A décima edição do evento é realizada no térreo do Centreventos Cau Hansen, no Centro de Convenções Alfredo Salfer. A feira, que integra a programação do Natal de Joinville, vai até 22 de dezembro, das 16h às 22h. A entrada e estacionamento são gratuitos.

São 60 espaços, onde 124 empreendedores se revezam para expor seus produtos. As opções incluem canecas, acessórios, toalhas bordadas, roupas, chinelos, bolsas, tapetes, plantas, quadros, cerâmica, macramê, patchwork, almofadas, bonecas de pano, roupas para bonecas e muito mais. Tem massagem, opções de gastronomia e este ano haverá apresentações culturais e oficinas.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

A Feira Natal Feito à Mão é organizada pelo coletivo de empreendedores do Fórum de Economia Solidária do Norte Catarinense e conta com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação, por meio do Serviço de Incentivo às Organizações Produtivas (Siop), vinculado ao Centro Público de Atendimento aos Trabalhadores (Cepat).

O secretário de Desenvolvimento Econômico e Inovação, Fernando Bade, explica que existe um trabalho feito muito antes da feira começar.

“São capacitações para que os expositores organizem seus produtos, layout, formação de preços. Eles ficaram semanas reunidos com nossos profissionais para montar plano de negócio, para entender de marketing, de fabricação. Nós queremos ajudar esse empreendedor no desenvolvimento do seu negócio. Os produtos expostos aqui são lindos, tudo está muito bem organizado e esperamos um bom público”, avalia o secretário.

Os expositores também iniciaram as vendas com grande expectativa. A artesã Madalena Silveira participa do evento pela quarta vez expondo patchwork.

“A feira é ótima. Aqui a gente conhece muitas pessoas e o público vem atrás de artesanato mesmo. Toda vez que participo, eu supero minhas expectativas”, conta Madalena Silveira.

A empreendedora Karina Gonçalves está expondo pela segunda vez no evento. Ela trouxe seus produtos naturais e veganos, totalmente artesanais, biodegradáveis, feitos com elementos naturais. Desde a etiqueta até a coloração, tudo é feito à mão e de forma natural. São cosméticos, sabonetes, perfumaria, escovas de bambu.

“Essa é uma oportunidade que a Prefeitura dá para o pequeno empreendedor e fomenta a economia local. Para mim, estar aqui é dar visibilidade ao meu negócio e também uma oportunidade de gerar parcerias”, diz Karina. Ela explica que participa do Siop e recebe orientação da Prefeitura para regularizar seu negócio e, no futuro, realizar o sonho de ter a própria loja.

A economia solidária é uma alternativa na geração de trabalho e na inclusão social e tem como princípios autogestão, democracia, solidariedade, cooperação, respeito à natureza, comércio justo e consumo solidário.

Fonte: Prefeitura de Joinville

Continua após a Publicidade