Em 14° edição, Feira Estadual de Ciência e Tecnologia reúne 200 estudantes da rede pública estadual

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

A 14° Feira Estadual de Ciência e Tecnologia da Educação Básica e Profissional da Rede Pública de Ensino de Santa Catarina (FECITEC/SC) começa na noite desta terça-feira (29), em São José. O evento reúne coordenadores, professores e estudantes da educação básica e profissional para incentivar a integração entre as escolas e a divulgação de trabalhos científicos desenvolvidos nas escolas públicas. A exposição, avaliação e premiação dos trabalhos vencedores será nesta quarta-feira, 30.

Serão 105 projetos avaliados por uma banca de 60 avaliadores formada por profissionais da Secretaria de Estado da Educação (SED) e coordenadores regionais de educação. Os trabalhos apresentados foram desenvolvidos por estudantes do 6° ao 9° ano, Ensino Médio e Ensino Profissional de Santa Catarina, classificados nas Feiras de Ciência e Tecnologia realizadas nas coordenadorias regionais.

- PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

“A FECITEC é uma oportunidade e um momento muito marcante para nossas escolas, porque fomenta a criação dos estudantes e permite que eles reinventem e consigam produzir com as próprias mãos, com a ajuda dos professores. Isso vai ao encontro do que estamos implementando na rede estadual, como os laboratórios maker, de ciência e de informática, além das lousas digitais. São espaços que contribuem para que os estudantes inovem e pensem fora da caixa”, afirma o Secretário de Estado da Educação, Vitor Balthazar.

Além de promover a integração entre as escolas, a divulgação dos trabalhos e fomentar a iniciação científica, os projetos selecionados poderão representar o Estado em outras feiras nacionais. 

Feira estadual proporciona integração e troca de conhecimentos entre escolas 

A última FECITEC havia sido realizada em 2019, período anterior à pandemia. Entretanto, a Feira acontece desde 2006 no Estado, proporcionando a valorização das pesquisas produzidas no ambiente escolar.  

Antes de chegarem à Feira Estadual, os trabalhos passam por outras duas etapas. A primeira etapa aconteceu nas escolas e os melhores projetos passaram para a etapa regional. As 36 Coordenadorias Regionais de Educação foram responsáveis pela segunda etapa, que é organizada na forma de Feira Regional e classifica os trabalhos em destaque para o evento estadual. Por fim, a etapa estadual reúne os principais trabalhos selecionados nas etapas regionais, contribuindo para o aperfeiçoamento das atividades realizadas. 

Fonte: Governo SC

Continua após a Publicidade