FUCAM realiza a formatura da segunda turma do Projeto Guardião Protetor Ambiental

Continua após a Publicidade

18 jovens se formaram nesse ciclo de aulas

A natureza e o meio ambiente de Camboriú estarão mais protegidos. Nesta terça-feira, dia 22, a Fundação do Meio Ambiente de Camboriú (FUCAM), em conjunto com a Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social, realizou a formatura dos alunos da segunda turma do Projeto Guardião Protetor Ambiental. O projeto envolveu adolescentes de 11 a 16 anos de idade, com o objetivo de promover a educação socioambiental e despertar a vontade de efetivar os cuidados necessários para preservar o meio ambiente. A cerimônia, que ocorreu no Centro de Eventos Portal das Pedras, na localidade dos Macacos, contou com a presença de secretários, vereadores e representantes de entidades do município.

- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
Continua após a Publicidade

“Hoje o mundo discute algo tão importante que são as questões ambientais. Camboriú sai na frente com esse projeto inédito, pois os jovens são os multiplicadores da informação e com certeza farão a diferença para o meio ambiente”, ressalta o presidente da Câmara de Vereadores, Claudinei Loos, que representou o prefeito de Camboriú, Elcio Rogerio Kuhnen, na formatura.

Na cerimônia também foram premiados os participantes que se destacaram nas aulas do Projeto Guardião e os monitores, que são ex-alunos que se formaram na primeira turma do projeto. “Só tenho a agradecer minha equipe por toda parceira e, principalmente, por ter abraçado essa iniciativa de corpo e alma. Tenho certeza que foi um momento especial para todos os guardiões”, define o presidente da FUCAM, Valmor Dalago.

Ao todo, 18 jovens se formaram protetores ambientais. O projeto teve 15 encontros com atividades educacionais socioambientais, voltadas para teoria e prática, ou seja, aulas de campo. Os adolescentes tiveram encontros que debateram assuntos importantes como: nascentes e água; vida terrestre – fauna; resíduos sólidos; vida marinha e aquática; instrução de sinalização de trilha; noções sobre os ODS, entre outros, além de terem realizado diversos passeios.

Fonte: Prefeitura de Camboriú – SC

Continua após a Publicidade