Programa Bairro Educador chega a Sambaqui com resgate de Boi de Mamão e mais seis oficinas para a comunidade

Continua após a Publicidade

Recentemente, o Programa Bairro Educador chegou a Sambaqui, no Norte da Ilha, com a implantação de sete oficinas educacionais, culturais e esportivas. Dentre elas, está  o Boi de Mamão, uma das tradições culturais que representa o povo da Capital.
 
Na inauguração oficial da nova sede do programa da Prefeitura, nesta terça-feira,  houve uma  apresentação artística dessa tradição com os participantes da oficina. O objetivo foi mostrar para a comunidade local como acontece, na prática, a dinâmica de ensino utilizada pelos professores do programa e como pode ser divertido aprender novos ofícios.
 
Houve ainda  um show realizado pelos integrantes da oficina de música para agitar os convidados e expor os trabalhos ensaiados durante as aulas.
 
O Bairro Educador  está sob a responsabilidade da Secretaria Municipal de Educação e executado por intermédio do Instituto Escola de Esporte Cidadã.
 
A cerimônia ocorreu na sede da Associação Social Cultural e Desportiva Triunfo e contou com a presença do prefeito de Florianópolis, Topázio Neto, juntamente com o secretário de Educação, Maurício Fernandes Pereira, e o superintendente do Bairro Educador, Bruno Becker, que prestigiaram esta nova conquista que irá impactar a vida de muitas pessoas.
 
O Programa Bairro Educador está presente no Sambaqui com as oficinas pedagógica, Boi de Mamão, futebol 7, capoeira, jiu-jitsu, música e ginástica. De acordo com  o secretário de Educação,  os espaços culturais e esportivos já existentes na comunidade foram aproveitados visando uma melhor comodidade dos moradores.
 
Assim, na sede da Associação Social Cultural e Desportiva Triunfo são desenvolvidas  as oficinas de capoeira, futebol 7, Jiu-jitsu e música.
 
Na Associação do Bairro Sambaqui (ABS) são ministradas as oficinas de Boi de Mamão e pedagógica, enquanto que  no Centro Comunitário de Sambaqui ocorre a oficina de ginástica.
 
No total, integram essa sede do Bairro Educador  232 pessoas com uma média de 460 atendimentos semanais, já que alguns dos participantes  estão matriculadas em mais de uma oficina. 
 
Para quem quiser se inscrever, há vagas no turno vespertino nas oficinas pedagógica, Boi de Mamão, capoeira e música. Informações através do telefone (48) 9 9128-7059 com o coordenador Heitor Cordeiro.
 

galeria de imagens


Fonte: Prefeitura de Florianópolis

Continua após a Publicidade