Repórter Sérgio Guimarães quer exercer mandato popular na Assembleia

- PUBLICIDADE -

Outro rosto conhecido do telespectador catarinense estará na Assembleia Legislativa, a partir de 1º de fevereiro de 2023. O jornalista Sérgio Guimarães (União), que já trabalhou nas principais emissoras de TV do estado, foi eleito deputado estadual no dia 2 de outubro. Este será seu primeiro mandato eletivo.

“Foi resultado de uma campanha feita na base do suor, da raça, no peito, gastando sola de sapato, sempre no corpo a corpo com o eleitor, nas ruas, sempre com muita receptividade do público. Tínhamos o sentimento, a certeza de que daria certo, mas com muita humildade, apesar da pouca estrutura, contando com a participação da família e dos amigos”, relata o eleito, que concorreu na urna com o nome Repórter Sérgio Guimarães.

- PUBLICIDADE -

O novo deputado conta com mais de meio milhão de seguidores nas redes sociais e, mesmo fora dos veículos de comunicação tradicionais, manteve-se no jornalismo, como foco nas necessidades da comunidade da Grande Florianópolis.

“Minha atuação na Assembleia vai seguir o que eu já faço no jornalismo, com foco no comunitário, sempre ajudando o mais próximo. Sempre fiz jornalismo nas ruas, estive em cada canto da Grande Florianópolis. Minha mãe sempre me disse: se você quer entender o problema de uma pessoa, se coloca no lugar dela.”

Por isso, no Parlamento catarinense, Sérgio Guimarães pretende desenvolver um mandato popular. “Aqui na Assembleia, quero fazer um mandato para as pessoas, porque nós temos como objetivo principal o bem-estar do catarinense. Sempre digo que política a gente faz para o umbigo do próximo, não para o próprio umbigo”, afirma. “A responsabilidade é gigante, e vamos trabalhar ainda mais, como sempre fiz na minha vida, para o povo catarinense, o povo da Grande Florianópolis.”

Nascido em Laguna, Sérgio da Rosa Guimarães tem 39 anos e é formado em Jornalismo. Iniciou a carreira na TV Barriga Verde. Teve passagens pela TV Bandeirantes de São Paulo, RBS TV Florianópolis e RIC TV da Capital. Também trabalhou em assessoria de comunicação no setor público. Em 2020, foi candidato a prefeito de Palhoça pelo Partido Liberal (PL). Na eleição deste ano, obteve 27.977 votos e ficou com uma das três vagas conquistadas pelo União Brasil para a Alesc.

Novos deputados
Desde o dia 10 de outubro, a Agência AL passou a veicular os perfis dos 16 deputados eleitos pela primeira vez para a Alesc. Já foram publicadas matérias com Antídio Lunelli (MDB), Egídio Ferrari (PTB), Estêner Soratto Junior (PL), Marquito (Psol), Mário Motta (PSD) e Matheus Cadorin (Novo), que podem ser acessadas nos links abaixo.

(Com informações da TVAL)

Fonte: Agência ALESC