Dia Nacional da Vacinação reforça importância da imunização

- PUBLICIDADE -

Nesta segunda-feira (17/10), é celebrado o Dia Nacional da Vacinação para reforçar a importância das vacinas e da imunização no controle de epidemias. Em Joinville, o Serviço Municipal de Imunização é responsável por administrar o serviço em todas as Unidades Básicas de Saúde da Família (UBSFs), além da Sala de Vacinas Central e o Centro de Atendimento ao Viajante.

O calendário de vacinação da rede pública de Santa Catarina está disponível no site da Prefeitura de Joinville (bit.ly/CalendarioVacinasJlle).

- PUBLICIDADE -

“Quanto às vacinas do calendário básico, a média de cobertura em Joinville é 80%. O ideal é que os pais continuem procurando as unidades básicas para verificar o estágio vacinal, se tem alguma vacina em atraso, para que a gente consiga atingir os níveis esperados das coberturas que é de 90% a 95%”, explica a coordenadora de Imunização em Joinville, Nicoli dos Anjos.

Descobertas há mais de 200 anos, as vacinas já erradicaram ou diminuíram a incidência de várias doenças graves, como varíola, caxumba, gripe, poliomielite, rubéola, sarampo e tétano. De acordo com dados da Organização Mundial de Saúde, as vacinas salvam a vida de 3 milhões de pessoas a cada ano.

Na infância, por exemplo, é necessária a imunização contra a poliomielite, tuberculose, difteria, tétano, coqueluche, meningite, sarampo, rubéola, caxumba, hepatite B e febre amarela.

Atualmente, a rede pública de saúde disponibiliza em todo o país 19 vacinas para combater cerca de 20 doenças, em diversas faixas etárias. Ainda existem outras 10 vacinas exclusivas para grupos em condições clínicas especiais, como os portadores de HIV.

Vacinas estão disponíveis nas UBSFs

Em Joinville, não precisa agendar para receber o imunizante. É só se dirigir até uma UBSF, com exceção da UBSF Jativoca, ou na Sala de Vacinas Central com documento de identificação com foto e o cartão nacional de saúde ou a caderneta de saúde da criança.

A Sala de Vacinas Central fica na rua Abdon Batista, 172, no Centro, e as senhas são distribuídas entre 7h e 18h, de segunda a sexta-feira, exceto feriados e pontos facultativos. Nas UBSFs, o horário de distribuição de senhas para vacinação varia em cada unidade e pode ser conferido no site da prefeitura.

“Quanto mais pessoas de uma comunidade estão protegidas, menor é a chance de uma doença se propagar. Os pais podem verificar a marcação que é realizada nas próprias carteirinhas de vacinação, mas caso ainda tenham dúvidas, podem procurar qualquer unidade de saúde para verificar se o calendário está em dia”, orienta Nicoli.

Fonte: Prefeitura de Joinville