Rede pública de Blumenau eleva nota no Ideb 2021

- PUBLICIDADE -

Apesar dos desafios impostos pela pandemia nos últimos dois anos, Blumenau conseguiu avançar significativamente no Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (IDEB) em relação a 2019. Os resultados da avaliação nacional foram divulgados pelo Ministério da Educação nesta sexta-feira, dia 16. A nota da rede municipal de ensino de Blumenau aumentou de 6,4 para 6,8 nos anos iniciais e de 5,2 para 5,8 nos anos finais.

Já a média geral de toda a rede pública de ensino de Blumenau, que abrange escolas municipais e estaduais, gerou o índice de 6,6 nos anos iniciais e de 5,3 nos anos finais. Antes da pandemia a média era de 6,2 para anos iniciais e 4,9 nos finais.

Da Alemanha, onde participa da abertura da Oktoberfest de Munique, o prefeito Mário Hildebrandt comemorou o desempenho das escolas municipais. “Foi com o coração cheio de felicidade que recebemos a notícia sobre as novas notas do Ideb. Resultado de investimento e do empenho de todos os servidores. Unidades reformadas, materiais novos para dentro e fora das salas de aula, reorganização curricular e formações continuadas, por exemplo, que refletem em estudantes e equipes mais felizes”, destacou.

Para a prefeita em exercício, Maria Regina de Souza Soar, os números refletem uma atuação bem-sucedida de toda a gestão desenvolvida durante os anos de pandemia. “Assim como nossas ações de prevenção e combate ao coronavírus, as ferramentas adotadas por Blumenau para o ensino remoto também foram destaque e hoje vemos a eficiência das decisões que foram tomadas naquele período. Esse resultado reflete o esforço da gestão municipal, bem como dos profissionais da educação de Blumenau, que atuaram na ponta, diretamente com as famílias e os alunos”. 

O IDEB é obtido por meio do produto dos índices de aprovação com notas obtidas pelos estudantes de 5º e 9º anos na prova do Sistema de Avaliação da Educação Básica (SAEB), que avalia o nível de proficiência em Língua Portuguesa e Matemática, tanto dos anos iniciais, como finais e do Ensino Médio.  
Blumenau também ficou acima da média nacional e estadual tanto nos anos iniciais quanto nos anos finais. Para os anos iniciais, a média do IDEB no país foi de 5,8, enquanto a de Santa Catarina foi de 6,5. Já nos anos finais, a média ficou em 5,1 no Brasil e em 5,3 em Santa Catarina.

A Secretária Municipal de Educação de Blumenau, Patrícia Lueders, participou da cerimônia de divulgação dos resultados do IDEB em Brasília, que foi transmitida ao vivo pelo canal do youtube do MEC. “Estimávamos que levaríamos pelo menos três anos para recuperar as perdas provocadas pela pandemia. No entanto, esses índices nos mostram que o trabalho conjunto da equipe da Secretaria Municipal de Educação com os gestores escolares, coordenadores pedagógicos e professores foi positivo. Esse resultado é reflexo da implementação do Currículo da Educação Básica do Sistema Municipal de Ensino de Blumenau, das formações continuadas e assessoramento aos professores, do movimento de planejamento coletivo e da busca ativa dos estudantes. Agora precisamos olhar para esses dados como ferramenta para continuarmos avançando na qualidade da formação que é oferecida aos nossos alunos”.

O Ideb é um indicador criado pelo governo federal para avaliar a educação básica em todo o país. O levantamento é executado pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) a cada dois anos. Todos os resultados podem ser conferidos na página do instituto: https://www.gov.br/inep/pt-br/areas-de-atuacao/pesquisas-estatisticas-e-indicadores/ideb/resultados.

postada em 16/09/2022 15:24 – 7 visualizações

Fotos

Fonte: Prefeitura de Blumenau SC