Maurício Eskudlark assume a presidência da Assembleia Legislativa

- PUBLICIDADE -

Um ato, realizado na manhã deste sábado (3) no Palácio Barriga Verde, em Florianópolis, marcou a posse do deputado Maurício Eskudlark (PL) como presidente em exercício da Assembleia Legislativa, em substituição ao deputado Moacir Sopelsa (MDB), que deixa o cargo para assumir o governo do Estado. A solenidade aconteceu no Plenário Deputado Osni Régis e reuniu representantes de poderes e órgãos públicos, lideranças políticas, amigos e familiares dos dois deputados.

Eskudlark, que até então ocupava a 1º vice-presidência da Casa, exercerá a presidência por 30 dias, mesmo período em que Sopelsa deve ocupar a chefia do Executivo estadual.

Durante a solenidade, Eskudlark falou da alegria em assumir a condução da Assembleia Legislativa e de como isto coroa sua trajetória política, que iniciou em no ano 1989, como vereador no município de São Miguel do Oeste. Conforme o parlamentar, tudo foi alcançado com o auxílio de muitas pessoas, a quem manifestou o seu agradecimento. “A política a gente não faz sozinho, trabalhar pelo estado, pela população, tem que ser em conjunto. E eu sempre digo que na política tem que gostar de pessoas, tem que saber ouvir. Que a gente possa, então, nesse trabalho, orgulhar cada pessoa que confiou na missão que assumimos.”

Sobre a condução dos trabalhos na Alesc, ele afirmou que pretende dar continuidade à linha adotada por Sopelsa, buscando conferir agilidade na votação dos projetos, enxugando gastos, e transformando os recursos públicos em benefícios e qualidade de vida para a população catarinense.

Ao final do seu discurso, ele também manifestou apoio a Sopelsa no governo do Estado. “Eu o admiro, o considero como irmão, e lhe desejo muito sucesso, porque a conduta dele, tranquila e determinada, representa o bem para os catarinenses.”

Em resposta, Sopelsa afirmou que deixa a presidência da Alesc em boas mãos, pois tem em Eskudlark um deputado com grande senso de responsabilidade, focado no trabalho, e que a sua atuação irá agregar muita qualidade ao que já vem sendo realizado no Parlamento estadual.

Ele também agradeceu o apoio dos demais deputados pela sua condução ao Executivo estadual. “Este é um compromisso, uma responsabilidade, mas vou fazer o possível para poder bem representar esse parlamento e todos os catarinenses. Se eu não tivesse tido aqui o apoio dos demais parlamentares, eu não teria tido a oportunidade de ter sido presidente da Assembleia e nem de, agora, assumir como governador do Estado.”

Perfil de Mauricio Eskudlark
Delegado aposentado, com mais de 40 anos de experiência no setor de segurança pública, Mauricio José Eskudlark nasceu em 18 de janeiro de 1958, em Canoinhas, no Planalto Norte. Filho mais velho da Dona Juventina, começou a trabalhar aos 11 anos, para ajudar no sustento dos irmãos, em virtude do falecimento do pai. Foi celeiro, vendedor de picolés, engraxate e entregador de jornais.

Após se mudar para Itajaí, começou a faculdade de Direito. Pouco antes de se graduar, foi aprovado no concurso de Delegado de Polícia Civil. Atuou em várias delegacias do Estado, foi diretor regional da Polícia Civil em São Miguel do Oeste e Balneário Camboriú. Também foi diretor da Polícia Civil do Interior e do Litoral antes de chegar ao cargo mais importante da corporação, o de delegado-geral, já nos anos 2000, durante três anos e meio.

Na política, seu primeiro cargo eletivo foi na Câmara Municipal de São Miguel do Oeste, onde exerceu dois mandatos (1989-1992 e 1993-1996). Na segunda eleição, foi o vereador mais votado e se elegeu presidente do Legislativo municipal. Na Assembleia Legislativa, disputou em 2002 a eleição e ficou na suplência, o que lhe possibilitou exercer o mandato em 2006.

Na eleição de 2006, concorreu a deputado federal e ficou como suplente. Em 2010, voltou a disputar uma vaga na Alesc. Suplente, exerceu o mandato em toda a legislatura 2011-2015. Em 2013, foi efetivado na cadeira de deputado estadual com a eleição de Elizeu Mattos para a Prefeitura de Lages.

Em 2014 e 2018, foi reeleito para a Assembleia Legislativa. Ocupou cargos importantes em comissões permanentes da Alesc, como a Presidência da Comissão de Segurança Pública. Em 2 de fevereiro deste ano, foi eleito, pela primeira vez, 1º vice-presidente da Assembleia.

Fonte: Agência ALESC