Festa Nacional da Maçã agita São Joaquim de 7 a 11 de setembro

- PUBLICIDADE -

A Capital Nacional da Maçã e a Capital Catarinense dos Vinhos Finos de Altitude promove, de 7 a 11 de setembro, no Parque de Exposições Geraldo José Coral, a 22ª edição da Festa Nacional da Maçã. Prefeito C e equipe convidaram, na tarde desta quarta-feira (10), deputados e sociedade a prestigiar os festejos.

Antes realizada entre o final de abril e início de maio, a festa vai ocorrer, pela primeira vez, durante a florada das macieiras. Um espetáculo à parte nos festejos que objetivam valorizar os fruticultores e retomar o turismo, prejudicado pela pandemia. “Esperamos um público de 70 mil pessoas, com diversas atrações artísticas nacionais e regionais. Exposições de gado, ovinocultores e cavalo crioulo, além de mostras de maçã, vinhos finos de altitude, mel e queijo serrano.”

Após um relato da história de São Joaquim, o secretário de Educação e presidente da festa, Fabiano Padilha, conclamou os catarinenses a viajar à Serra Catarinense em data próxima à primavera. “Teremos um clima mais ameno e programação para todos os públicos, estradas em perfeitas condições e a já conhecida hospitalidade do joaquinense. Sem contar a tradicional cultura campeira.”

Participaram também da solenidade de lançamento da festa a vice-prefeita Ana Florêncio de Melo Arruda, a rainha Laís Matos de Liz e as princesas Ana Paula Lemos e Anandria Guimarães Nunes.

No plenário, parlamentares saudaram os integrantes da administração municipal, ressaltando a importância do turismo para uma cidade que tem se aprimorado nos serviços de gastronomia e hotelaria.

Fonte: Agência ALESC