Defesa Civil de Criciúma promove orientação de primeiros socorros

- PUBLICIDADE -

Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News

Ensinar as melhores formas de salvar uma vida e mostrar a importância dos primeiros socorros para os profissionais dos Centros de Educação Infantil (CEIs) do município, foram os principais objetivos da orientação de primeiros socorros realizada pela Defesa Civil de Criciúma nessa segunda-feira (8). A orientação aconteceu no Teatro Municipal Elias Angeloni e preparou 300 profissionais de Criciúma, para saberem as técnicas de atendimento necessárias durante uma emergência ou urgência.

“Como sabemos que esses profissionais trabalham com crianças entre três meses e seis anos de idade, focamos nesse público para conseguirmos mostrar a importância de estarem orientados quando acontecer alguma emergência ou urgência”, destacou o diretor da Defesa Civil de Criciúma, Fred Gomes. Os profissionais foram orientados durante o período da manhã e da tarde, aprendendo a prevenir desde um corte superficial até uma parada cardiorrespiratória.

De acordo com a enfermeira emergencista e agente da Defesa Civil, Rosemeri Carvalho de Noronha, o foco dessa orientação é abranger o maior número de pessoas possíveis, sendo dever de todo cidadão saber e aplicar as técnicas de primeiros socorros. “Em nosso cotidiano sempre trabalhamos com prevenções de risco, e este curso fará com que esses profissionais fiquem preparados quando precisarem aplicar em uma possível emergência ou urgência”, ponderou.

Além disso, a enfermeira ressalta que ensinamentos e práticas de primeiros socorros são essenciais, principalmente nas escolas, ensinando tanto professores quanto alunos. “No momento, estamos começando apenas a mostrar um pouco dessas técnicas para os professores. Mas, temos a ideia de expandir para alunos e para outras instituições, ampliando o treinamento e criando uma rede mais segura”, completou.    

Importância dos primeiros socorros

Conforme Gomes, a importância de ensinar as práticas de primeiros socorros é passar e multiplicar esses conhecimentos, com finalidade de prevenir acidentes e salvar mais vidas. “Dessa forma, o município em geral ganha com essas ações, porque são mais pessoas que sabem atender e agir quando necessário em alguma emergência ou urgência, em situações que necessitem do atendimento de primeiros socorros”, explicou o diretor da Defesa Civil de Criciúma.

Fonte: Prefeitura de Criciúma