18.6 C
Balneário Camboriú
InícioSua RegiãoJoinvillePrefeito Adriano Silva é o primeiro joinvilense a responder o Censo 2022

Prefeito Adriano Silva é o primeiro joinvilense a responder o Censo 2022

Na manhã desta segunda-feira (1º/8), o prefeito Adriano Silva foi o primeiro entrevistado na cidade a responder o Recenseamento Geral do Brasil (Censo 2022). Em cerca de 5 minutos, o prefeito completou o questionário realizado pela recenseadora Solange Koster. A coleta do Censo 2022, em todos os bairros da cidade, começa nesta segunda e termina em 31 de outubro.

O prefeito afirma que o processo de responder ao Censo 2022 é muito simples e o resultado dessa importante pesquisa vai guiar Joinville nos próximos anos.

“É fundamental que os joinvilenses respondam as questões do Censo 2022. Com base nesses dados são construídas as políticas públicas da cidade. Um exemplo é o tamanho da nossa população. Com base no número de habitantes é estipulada a verba que recebemos para a Saúde Pública, por exemplo”, explica Adriano.

A coordenadora de área de Joinville do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Arlaine Lenzi, informa que 542 recenseadores visitarão 210 mil domicílios de Joinville.

“Os recenseadores estarão devidamente uniformizados, com colete, boné e crachá. E o cidadão pode fazer a leitura do QRCode do crachá para verificar a identidade do recenseador”, informa Arlaine.

São dois modelos de questionário. No modelo básico, serão 27 perguntas e dura cerca de cinco minutos. O da amostra, com 77 perguntas, tem as questões do questionário básico e outras sobre temas como núcleo familiar, religião ou culto, migração, deslocamentos para estudo e trabalho. Este último será aplicado em 11% dos domicílios do Brasil.

Censo 2022

Os questionários do Censo 2022 podem ser respondidos presencialmente, pela internet (por meio de um código recebido após a visita do recenseador) ou, quando necessário, por telefone.

O Censo 2022 será pioneiro no levantamento estatístico de comunidades quilombolas e na investigação do transtorno do espectro autista. Também será a primeira vez que ocorre a captação das coordenadas geográficas de todos os domicílios, feita pelos próprios recenseadores.

Outra novidade é o gerenciamento da coleta em tempo real, com dados transmitidos diretamente para data centers no Rio de Janeiro e em São Paulo, e o monitoramento do deslocamento dos recenseadores.

Fonte: Prefeitura de Joinville

Comente com o Facebook
Redação SC Hoje
Redação SC Hoje
DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99805.5030
- Advertisment -

Mais Lidas

Enviar mensagem
Envie FOTOS, VÌDEOS, ÁUDIOS, DENÚNCIAS ou sugestões de pauta para a equipe da redação!