14.9 C
Balneário Camboriú

Paciente internada no Hospital São José recebe visita da cachorrinha de estimação

InícioSua RegiãoJoinvillePaciente internada no Hospital São José recebe visita da cachorrinha de estimação

Paciente internada no Hospital São José recebe visita da cachorrinha de estimação

O Hospital Municipal São José (HMSJ) de Joinville busca promover a humanização em diversos aspectos, em ações que envolvem desde as equipes profissionais multidisciplinares até a personalização de ambientes.

Em mais uma iniciativa diferenciada, a equipe multidisciplinar que atende a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do hospital viabilizou uma ação especial que alegrou e emocionou os profissionais, familiares e, principalmente, a paciente Marilene Brasil Martins, que recebeu a visita da sua cachorrinha de estimação, Melani, a “Mel”, como é chamada pela família.

Em 2021, a babá Marilene Martins, de 53 anos, ficou internada no São José entre os meses de maio e outubro para tratamento de Covid-19. No período, ficou dois meses na UTI, foi intubada, sofreu três paradas cardiorrespiratórias, mas se recuperou e voltou para casa. Porém, no último mês de junho, teve novas complicações, sofreu mais uma parada cardiorrespiratória e retornou para a UTI do São José, onde permanece internada.

Em conversa com a equipe, os familiares relataram que Marilene é muito apegada aos seus cachorrinhos e que estava sentindo falta dos pets. Foi aí que surgiu a ideia da surpresa especial, que ocorreu na sexta-feira, dia 8 de julho.

“Avaliamos que a paciente estava estável, com condições de ser deslocada a um ambiente externo da UTI. Então, conversamos com o médico responsável que fez a liberação. Também verificamos se o animal estava com a vacinação em dia, se era dócil e se era desejo da família trazê-lo para a visita”, relata a enfermeira Maria Rita Andrade de Lemos, coordenadora da UTI do Hospital São José.

O resultado da surpresa foi realmente o esperado: “Foi bem emocionante. Ela ficou muito feliz e, para a nossa equipe, foi gratificante”, relembra Maiara.

A satisfação também foi compartilhada pelo marido da paciente, o técnico de manutenção eletroeletrônica, Armando Tadeu Martins. “Os olhos dela brilharam! A Mel ficou um pouco assustada, mas depois ficaram juntas por quase meia hora, com muita alegria. Na última semana a Marilene estava um pouco triste, ansiosa, mas encontrar a Mel deixou ela mais animada”.

“Buscamos atender o ser humano em sua integralidade, olhando para as necessidades sociais, afetivas e familiares. Trabalhamos para melhorar a experiência da pessoa que está no ambiente hospitalar e para garantir sua melhor recuperação”, afirma Andrei Kolaceke, secretário da Saúde de Joinville.

Visitas de “pets” são regulamentadas

Em Santa Catarina, a Lei no 17.968/2020 permite o ingresso de animais domésticos e de estimação em todos os hospitais privados e públicos.

No entanto, a entrada dos pets deve seguir algumas regras estabelecidas pela Organização Mundial da Saúde (OMS), tais como verificação da espécie do animal, autorização expressa emitida pelo médico que acompanha o paciente internado, laudo veterinário atestando boas condições de saúde do animal e carteira de vacinação atualizada, visível aparência de boas condições de higiene, equipamento de guia (no caso de caninos) e local adequado para receber a visita em ambiente interno ou externo.

De acordo com o médico intensivista do Hospital São José, Rodrigo Cordeiro, as condições clínicas do paciente também devem ser avaliadas.

“São selecionados pacientes com internação prolongada, sem instabilidade e não conectados a respiradores permanentemente, pacientes lúcidos e que podem ser deslocados com auxílio da equipe”, explica.

Para o médico, a visita do animal de estimação é uma das formas de promover a humanização dos cuidados, proporcionando ao paciente uma experiência diferente do dia a dia vivido no ambiente hospitalar.

“De forma empírica, observa-se a melhora do humor, mais ânimo e motivação que ajudam o paciente a seguir o tratamento e se recuperar”, afirma o médico.

Hospital São José preconiza ações de humanização

Na UTI do Hospital Municipal São José, o atendimento humanizado é praticado por toda a equipe multidisciplinar que envolve médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem, fisioterapeuta, psicólogo e residentes multiprofissionais.

Entre as ações implementadas estão o protocolo de visita estendida, onde os familiares podem permanecer por mais tempo junto com o paciente internado, homenagem aos pacientes aniversariantes e colocação de fotos da família perto do leito do paciente.

“Sempre valorizamos e incentivamos iniciativas como essas, pois são fatores que também influenciam na qualidade da assistência prestada e no desfecho do tratamento”, conclui Kolaceke.

Paciente em maca e marido, ao lado, brincam com cachorrinha
Paciente recebe visita de sua pet

Fonte: Prefeitura de Joinville

Comente com o Facebook
Redação SC Hoje
Redação SC Hoje
DÊ SUA OPINIÃO SOBRE A QUALIDADE DO CONTEÚDO QUE VOCÊ ACESSOU. Para registrar sua opinião, copie o link ou o título do conteúdo e envie sua mensagem por e-mail [email protected] ou pelo WhatsApp 48 99805.5030
- Advertisment -

Mais Lidas

Enviar mensagem
Envie FOTOS, VÌDEOS, ÁUDIOS, DENÚNCIAS ou sugestões de pauta para a equipe da redação!