Assinados os primeiros contratos de empréstimo do Programa de Microcrédito de Joinville


Foram assinados, nesta quinta-feira (9/6), os primeiros contratos de empréstimo do Programa de Microcrédito de Joinville. A ação da Prefeitura assegura o fornecimento de crédito para micro e pequenos empreendedores, possibilitando o empréstimo de recursos com juro zero, subsidiados pelo município. Na cerimônia, realizada na sede da Prefeitura, cinco micro e pequenos empresários formalizaram seus empréstimos.

A Prefeitura disponibilizou R$ 1 milhão para custear integralmente os juros dos empréstimos que podem ser contratados na instituição financeira credenciada em oferecer crédito, o Banco do Empreendedor. Isso viabilizará a injeção de aproximadamente R$ 7 milhões em crédito para incentivar o empreendedorismo. Para o prefeito Adriano Silva, o programa, criado por meio da Lei 8.959/2021, é uma forma de muitas empresas recuperarem as perdas ocorridas durante a pandemia.

“Devemos investir continuamente na abertura, manutenção e na proteção das empresas que geram emprego e renda. No ano passado, foi desesperador ver centenas de microempresários e Microempreendedores Individuais sofrendo com a pandemia. O empreendedor ter acesso a esse recurso do Programa de Retomada Econômica significa que aquele dinheirinho que sobra não será para pagar juros, e sim, para investir no seu negócio e crescer”, afirma o prefeito.

Márcia Regina da Silva é uma das microempreendedoras que assinou nesta quinta-feira seu contrato de empréstimo pelo Programa de Microcrédito.

“Como minha área é turismo pedagógico e trabalho com escolas, durante a pandemia elas ficaram paradas por muito tempo. É uma forma de ter um capital de giro para essa retomada”, explica Márcia.

Rosângela Aparecida da Silva Crispim, que vende cotas de consórcio, também aderiu ao programa. “Neste momento, esse recurso vai me impulsionar bastante, porque agora preciso divulgar a empresa, adquirir impressora, tudo o que não pude fazer durante a pandemia”, diz Rosângela.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Sustentável da Prefeitura de Joinville, Marcel Virmond Vieira, o propósito da Prefeitura é incentivar todas as formas de empreendedorismo que estão no DNA de Joinville. “Nós somos uma cidade de empreendedores. É difícil encontrar uma quadra nesta cidade onde não tenha um CNPJ, uma empresa instalada”, pontua Marcel.

É possível contratar pelo Programa de Microcrédito duas operações de crédito, não simultâneas, de até R$ 5 mil para Microempreendedores Individuais (MEI), e de até R$ 10 mil para Micro Empresas (ME), conforme as peculiaridades das empresas. Somente terá acesso à segunda tomada de crédito a empresa que apresentar comprovação à instituição financeira de utilização do valor tomado no primeiro empréstimo, por meio de notas fiscais com gastos feitos dentro do município de Joinville.

“Estamos recebendo, nos últimos dias, um grande volume de empreendedores. Uma procura acima do que esperávamos”, informa o diretor-superintendente do Banco do Empreendedor, Luiz Carlos Floriani.

Como participar

O Banco do Empreendedor atende micro e pequenos empresários que desejam participar do programa de forma presencial em sua sede (rua Alexandre Döehler, 221, Centro), pelo telefone 3433-9933 e pelo WhatsApp (48) 98405-0382.

Podem acessar os empréstimos do Programa de Microcrédito as pessoas jurídicas registradas em Joinville, devidamente formalizadas, que se enquadrem no conceito de Microempresa e Microempreendedores Individuais.

O empreendedor precisa apresentar os seguintes documentos: Termo de Adesão ao Programa de Retomada Econômica (fornecido pela instituição financeira); cópia de Documento de Identificação e do Cadastro de Pessoa Física; comprovante de residência; e caso haja ponto comercial (estabelecimento fixo), apresentar comprovação de posse legítima do imóvel.

Também é preciso apresentar a documentação do avalista: cópia de Documento de Identificação e do Cadastro de Pessoa Física; comprovante de residência; comprovante de renda; e caso o avalista seja casado ou em união estável, deverão ser apresentados os mesmos documentos do cônjuge.

Comente com o Facebook