Professoras da Udesc coordenam pesquisa nacional sobre inovação social

- PUBLICIDADE -


Notícias de Santa Catarina - SC HOJE News 

Um projeto de pesquisa liderado por duas professoras da Universidade do Estado de Santa Catarina (Udesc) vai estudar e comparar ecossistemas de inovação social e seus efeitos em cidades de várias regiões do Brasil, com ênfase nos negócios de impacto socioambiental. Esses negócios são empreendimentos híbridos, que combinam as lógicas social e de mercado.

O projeto “Ecossistemas de Inovação Social e Cidades no Brasil: um olhar direcionado aos Negócios de Impacto Socioambiental”, reúne 12 pesquisadores de 10 universidades. A pesquisa, financiada com recursos do edital universal do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), terá duração de três anos.

À frente desse trabalho estão as professoras Graziela Alperstedt, que lidera a pesquisa, e Carolina Andion, coordenadora do Observatório de Inovação Social de Florianópolis, programa de ensino, pesquisa e extensão do Centro de Ciências da Administração e Socioeconômicas (Esag) da Udesc, em Florianópolis.

Cidades

O objetivo é avançar no conhecimento sobre os ecossistemas de inovação social e seus efeitos para melhorar a resiliência das cidades. Para isso, serão feitos estudos comparados em quatro regiões do Brasil (Nordeste, Sudeste, Centro-Oeste e Sul), com ênfase nos negócios de impacto socioambiental, suas práticas e os problemas que os mobilizam.

A pesquisa se inspira no enfoque de cartografia e análise desses ecossistemas, já desenvolvido e testado a partir da experiência do Observatório de Inovação Social de Florianópolis. Coordenado pela professora Carolina Andion, o Observatório envolve a coleta de dados primários, com aplicação de questionários, entrevista e observação, e de dados secundários.

Rede

O projeto é resultado de uma Jornada de pesquisa proposta pelo Instituto de Cidadania Empresarial (ICE) que reuniu professores interessados na temática. Além das professoras Graziela Alperstedt e Carolina Andion, da Udesc Esag, participam do projeto Ana Zanardo dos Santos (PUCRS), Cynthia Suassuna (Unicap), Fabricia Rossato (UFMS), Franciane Silveira (UFABC), Inessa Salomao (Cefet-RJ), Ivana Ferrer Silva (UFMT), Luiza Teixeira (UFBA), Zilma Borges (FGV Eaesp), Suzanne Correia e Verônica de Oliveira (UFCG).

Saiba mais aqui sobre o Observatório de Inovação Social de Florianópolis da Udesc Esag.

Assessoria de Comunicação da Udesc Esag
Jornalista Carlito Costa
E-mail: [email protected]

Fonte: Governo SC