Prefeitura de Chapecó faz cessão de uso de barracões para associações de catadores


Representantes de cinco associações de catadores de Chapecó estiveram na manhã desta quinta-feira na sala de reunião da Prefeitura, para assinatura de termos de cessão de uso dos barracões onde estão instalados, que estão em áreas do poder público.

Participaram da assinatura o prefeito João Rodrigues, acompanhado da primeira dama Fabiana Rodrigues, pelo secretário de Infraestrutura Urbana, Luiz Paulo Carraro, e pelo vereador Mauro Zandavalli.

Foram assinadas cessões para as associações da Vila Esperança, Parque das Palmeiras, Vila Betinho, São Francisco e Esplanada.

De acordo com a gerente de Saneamento da secretaria de Infraestrutura, Graciela Heckler, tem associações que ocupavam os espaços há cerca de dez anos e não estavam regularizadas.

“Com a cessão de uso do município para as associações, eles terão uma garantia para fazer as melhorias dos espaços e acessar recursos de programas e projetos, que exigem documentação”, disse Graciela.

Além disso o município subsidia a água e energia, além de transportar a coleta do lixo reciclável, que dá 114 cartas por mês.

Cristina Fátima Vargas, da Associação dos Catadores do Parque das Palmeiras, ficou feliz com a reunião.

“Isso vai nos ajudar para fazermos as melhorias, pois agora temos uma garantia”, explicou.

Otaviano Modesto, da Associação São Francisco, também considerou importante ter o documento. Sua associação conta com dez famílias, que reciclam seis cargas de material por semana.

A cessão de uso é para dois anos, podendo ser renovada por igual período. Como contrapartida as associações devem usar somente para suas atividades fim, além e manter limpo e organizado o entorno dos barracões.

“Nós estamos ajudando, mas queremos que o entorno dos barracões fique limpo e organizado. O município também vai investir R$ 12 milhões para instalar lixeiras subterrâneas, evitando que seja retirado material irregularmente e que o lixo seja esparramado no entorno dos contêineres. Isso vai ajudar as associações pois o melhor material acaba sendo retirado”, disse o prefeito.

Atualmente o município conta com 16 associações de catadores.

Comente com o Facebook