Com o declínio do nível do rio município trabalha na limpeza urbana da cidade


A Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria Municipal de Defesa Civil, segue com cautela prestando os devidos atendimentos à comunidade. O nível do Rio Itajaí-Açu atingiu o pico máximo às 2h45 da madrugada desta quinta-feira, dia 5, quando foi registrado a medição de 9,40m. Com o declínio das águas, o foco no momento passa a ser a limpeza urbana das regiões afetadas. De acordo com a Secretaria de Conservação e Manutenção Urbana (Seurb), não há nenhuma via interditada. 

Desde a terça-feira, dia 3, a equipe da Defesa Civil atendeu 97 ocorrências, sendo 55 deslizamentos de terra, 19 quedas de árvores, 18 análise de risco e 5 alagamentos. Além disso, 33 ruas tiveram pontos de alagamento. 

Abrigos ativados

Desde a quarta-feira, dia 4, o abrigo da Igreja Evangélica Livre de Blumenau (IELBLU), localizado na Rua Cidade do Salvador, 89, está ativado e até o presente momento 4 pessoas foram acolhidas na instalação. 

Lembrando que no município há 60 abrigos disponíveis para ativação, sendo 30 destinados a atingidos por deslizamento e outros 30 para atingidos por inundação. A Secretaria de Defesa Civil segue acompanhando as demandas. Registros de ocorrências e pedidos de apoio devem ser feitos pelo telefone 199. O município reforça ainda que possui lonas para atender a comunidade caso haja necessidade de proteger locais afetados.

Os avisos e informes meteorológicos são enviados pelo aplicativo do AlertaBlu, pelo site do AlertaBlu, pelas redes sociais da Defesa Civil e da Prefeitura de Blumenau. O aplicativo AlertaBlu pode ser baixado gratuitamente nas plataformas Android e iOS. 

Nível do rio e previsão

De acordo com o AlertaBlu, o nível do rio às 10h da manhã desta quinta atingiu a marca de 8,96m, sendo um declínio de 10cm em relação à última hora. O sistema de baixa pressão que atuava sobre a região se deslocou ao oceano conforme a previsão da Diretoria de Meteorologia e o clima seco deve perdurar nos próximos dias.  

Turbidez da água

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) registra  elevação nos níveis de turbidez da água captada para tratamento em Blumenau. Nesta quinta-feira, 5, os reservatórios estão operando com 60% da capacidade completa, enquanto a ETA’s I e II trabalhando com capacidade reduzida em 30%. Mesmo com o declínio do nível do rio o Samae solicita o uso consciente da água até a situação normalizar.
 
Transporte Coletivo

A Prefeitura de Blumenau, por meio da Secretaria de Trânsito e Transportes (SMTT) atualiza as informações sobre as linhas do transporte coletivo com alterações por conta dos alagamentos, quedas de árvore e/ou deslizamentos causados após os altos níveis de chuva.
Confira abaixo:
– Linha 81 – Gustavo Zimmermann: segue com desvio sentido Itoupava Central / Aterro, passando pelas ruas Guilherme Scharf e Pedro Zimmermann devido ao alagamento na Rua 1º de Janeiro. Já as viagens no sentido Aterro / Itoupava Central seguem com itinerário normal.
– Linha 111 – Santa Clara: segue com desvio próximo da rotatória da Rua Guilherme Scharf e no entroncamento com a Rua Albert Goll, também por conta do alagamento na 1º de Janeiro. A linha faz o desvio nos dois sentidos pelas ruas Guilherme Scharf e Pedro Zimmermann.
– Linha 802 – Salão Carolina: segue até a Rua Wilhelm Knaesel Sênior, na altura do nº 1.045, por conta de alagamento.
– Linha 505 – Itapuí / Engenheiro Odebrecht: viagens seguem até a Rua Itapuí, na altura do nº 476, no entroncamento com a Rua Evaldo Tensini, por causa de um rompimento de tubulação ocorrido na Rua Carlos Splitter.
– Linha 506 – Pastor Oswaldo Hesse: viagens de ida e volta pela Rua Pastor Oswaldo Hesse, já que a Rua Alwin Schrader segue alagada próximo ao Tabajara e a Rua Corumbá.
A secretaria informa que está analisando as alterações conforme são verificadas as ruas sem acesso por conta dos alagamentos e que em caso de necessidade fará novos comunicados.

postada em 05/05/2022 10:14 – 1 visualizações

Fotos

Comente com o Facebook