Caminhos da Alfabetização é tema de curso da Secretaria de Educação


A Secretaria Municipal da Educação está promovendo o curso “Caminhos da Alfabetização” para o aperfeiçoamento de professores alfabetizadores que neste ano atuam com 1° e 2° anos. Serão quatro encontros, dois no turno de trabalho e dois à noite, sendo que o principal objetivo é retomar conhecimentos básicos, aperfeiçoá-los e socializar ideias, inovando assim, o trabalho no dia a dia com nossos estudantes de forma a suprir as especificidades de cada turma.

A intenção é vivenciar as diferentes situações para compreender o que acontece com nosso aluno durante o processo de ensino aprendizagem, a interação/troca com os colegas também é um fator bastante positivo.

“O curso me interessou porque nos últimos dois anos estamos recebendo crianças com diversas dificuldades sociais e de comportamento que acabam influenciando na aprendizagem delas. E mesmo tendo experiência na área de alfabetização, acredito que o curso possa trazer contribuições acerca do tema. No primeiro encontro, nossas colegas da Secretaria trouxeram revisões e atualização da teoria e nos fizeram repensar a prática em sala de aula. Espero que os próximos encontros continuem estimulantes, e contribuam para uma aprendizagem sistemática com foco nas crianças”, expôs a professora Lucélia Danielli, efetiva na EBM Anita Garibaldi e que trabalha com duas turmas de alfabetização.

A Secretária de Educação, Astrit Tozzo, destaca a importância de momentos de estudo como este: “Temos muitos desafios em relação à alfabetização, e com o período pandêmico, o qual limitou a interação entre aluno e professor, essas necessidades vieram a tona, interferindo ainda mais no processo de aquisição da leitura e escrita. Para superá-los, nós temos que estudar e refletir sobre como podemos ser eficientes neste processo e o curso ‘Caminhos da Alfabetização’ vem de encontro a esta necessidade”.

O curso é ministrado pelas articuladoras dos anos iniciais: Aline Angélica Pinheiro, Lucilene Remos Farias, Regina Fátima Lunelli e Rosenilda Dias, e teve início na segunda-feira, e os próximos grupos serão atendidos nos dias 7 e 11 deste mês. O curso não é obrigatório e a adesão superou as expectativas.

Comente com o Facebook