Casal de dependentes químicos é retirado da rua e encaminhado para tratamento


Na manhã desta sexta-feira foi realizada a terceira ação da Operação Internamento Involuntário, realizada pela Administração Municipal de Chapecó, com objetivo de retirar dependentes químicos que estão morando da rua e encaminhá-los para atendimento de saúde e tratamento em clínicas e hospitais da região.

De acordo com o comandante da Guarda Municipal de Chapecó, Roger de Lima, este casal já vinha sendo monitorado e foi encontrado próximo da esquina com a rua Condá. Ele é de Indaial, contou que não tinha mais contato com a família e queria voltar a falar com a mãe, pois não tinha nem dado nem Feliz Natal no final do ano passado. A mulher depois de um pouco de resistência acabou sendo convencida pelo companheiro a aceitar o tratamento, que neste caso acabou sendo voluntário.

Ela foi encaminhada para consulta por suspeita de gravidez. A secretária de Assistência Social, Elisiani Sanches, disse que o internamento deve ser encaminhado via Centro de Assistência Psicossocial de Álcool e Drogas (CAPS AD). A secretaria de Saúde e o Resgate Social também participaram da ação, além do prefeito João Rodrigues, que também conversou com o casal para convencê-los ao internamento.

“Nós queremos tirar as pessoas da rua, dar tratamento, acompanhamento, dignidade encaminhá-las para as famílias”, disse Rodrigues.

Mais de dez pessoas foram retiradas da rua e encaminhadas para tratamento, desde o início da operação.

Comente com o Facebook