Joinville inicia Semana Municipal de Prevenção ao Alcoolismo


De 14 a 20 de fevereiro, acontece em Joinville a primeira edição da Semana Municipal de Prevenção ao Alcoolismo.

A abertura oficial da campanha aconteceu na segunda-feira (14/2), em evento realizado na Cúria Diocesana de Joinville, com a presença do prefeito Adriano Silva, secretários municipais, vereadores, representantes da Diocese de Joinville e da Polícia Militar, servidores municipais das áreas da saúde, educação e assistência social.

A Semana Municipal de Prevenção ao Alcoolismo foi instituída pela Lei 8.973, sancionada pelo prefeito Adriano Silva em julho de 2021.

Em sua primeira edição, traz o tema “Começa com um gole e pode acabar com muitas vidas”, e conta com a participação e apoio de entidades como o Conselho Municipal de Políticas sobre Drogas (Comad), Prefeitura de Joinville e Pastoral Antialcoólica.

Uma das questões abordadas durante a abertura da Semana, foi a dificuldade de prevenir e combater o alcoolismo, já que a bebida é algo presente no dia a dia da sociedade. Daí a importância das ações de prevenção e educação de crianças, jovens e adultos.

Representante da Diocese de Joinville, o padre Fernando Baraúna parabenizou o envolvimento de diferentes grupos na realização da Semana Municipal de Prevenção ao Alcoolismo, e chamou a atenção para três pontos que devem ser discutidos durante a programação.

“É necessário fortalecer as muitas iniciativas que nós já temos e que não são conhecidas; a necessidade de trabalho em rede, a igreja é a primeira a estar aberta a essa iniciativa; envolvendo Poder Público e outras entidades; e persistência, termos a consciência de que temos um longo caminho a ser percorrido para criarmos novas mentalidades e uma nova cultura”, afirmou.

A importância da ação conjunta também foi reforçada pelo prefeito Adriano Silva, que destacou a atual sinergia entre os Poderes Executivo e Legislativo, que vêm atuando de forma alinhada em diversos propósitos, inclusive em relação à prevenção e educação sobre o alcoolismo.

“O alcoolismo é uma doença que acomete muitos homens e mulheres e acaba destruindo famílias. Quanto mais trabalharmos prevenção e conhecimento, menos problemas teremos na sociedade”, destacou o prefeito.

Tratamento ao alcoolismo em Joinville

Em Joinville, a Secretaria da Saúde oferece diferentes serviços aos pacientes de alcoolismo.

Inicialmente, o usuário pode buscar atendimento na Unidade Básica de Saúde da Família (UBSF) do seu território. Casos de crise serão encaminhados para o serviço de atenção especializada, prestados pelo Centro de Atenção Psicossocial em Álcool e outras Drogas (CAPS AD). Essa unidade também oferece serviço “porta aberta”, ou seja, o usuário pode buscar atendimento diretamente, sem encaminhamento.

Em casos de agravo, as Unidades de Pronto-Atendimento (UPAs) e hospitais da rede também oferecem atendimento.

De acordo com a coordenadora do CAPS AD, Jeruslaine Espíndula, atualmente 436 pacientes de alcoolismo recebem atendimento na unidade. Entre as comorbidades apresentadas por esse público, estão a depressão e a ansiedade. Outras características comuns são a demora para reconhecer o problema e a busca pelo atendimento por iniciativa de familiares.

Como principais ações de prevenção ao alcoolismo, Jeruslaine destaca: “A experimentação tardia, medidas educacionais comunitárias, desenvolvimento de rodas de conversa sobre o tema em diversos setores e com diversas faixas etárias.

Nesta terça-feira (15/2), a programação inicia às 8h com uma roda de conversa com familiares dos pacientes em tratamento no CAPS AD e se estende ao longo do dia, encerrando com um bate-papo na Escola Municipal Prefeito Joaquim Félix Moreira, bairro Paranaguamirim. A programação completa está disponível no site da Prefeitura de Joinville.

Comente com o Facebook