Morre Ingeborg Colin, segunda deputada estadual da história de SC


A Assembleia Legislativa registra com pesar o falecimento, neste fim de semana, de Ingeborg Colin Barbosa Lima, a segunda mulher a assumir uma cadeira de deputada estadual em Santa Catarina. Ela faleceu em Joinville, aos 100 anos de idade.

Nascida em Joinville em 15 de fevereiro de 1921, “Inge”, como era conhecida, era integrante de uma família tradicional no Norte catarinense. Era irmã do ex-prefeito e ex-deputado estadual João Colin e tia do ex-deputado estadual Pedro Colin, que foi presidente da Alesc nos anos 1970.

Ela foi a primeira tabeliã de Joinville, nos anos 1950. Em 1958, candidatou-se à Assembleia pelo PTB e ficou como primeira suplente, com 3.178 votos.

Foi convocada para assumir uma cadeira na Alesc em três ocasiões, durante a 4ª Legislatura, entre 1959-1963, num total de 180 dias. Com isso, ela foi a segunda mulher a exercer o cargo de deputada estadual em Santa Catarina, depois de Antonieta de Barros, parlamentar por dois mandatos, entre os anos 1930 e 1940.

Ingeborg Colin foi sepultada na tarde de domingo (6), no Cemitério Municipal de Joinville.

Comente com o Facebook